30 / 12 / 2017 - as 12:16
Cerca de 220 mil pessoas devem ir para o litoral neste final de ano

A Polícia Rodoviária Federal desencadeou a operação “Final de Ano” com 220 policiais, em escala de revezamento, que estarão fiscalizando e orientando nas principais rodovias do Piauí, como as BRs 343, 316, 135, conhecida como “Rodovia da Morte”, 222, 020 e 407. A prioridade são as ações preventivas para reduzir a violência no trânsito, para reduzir o número de mortes nas estradas federais.

A Operação foi iniciada às 0h desta sexta-feira (29) e terá a conclusão no dia 1º de janeiro. Conforme o inspetor Barros Filho, chefe da Comunicação Social da Polícia Rodoviária Federal (PRF), devem se deslocar para o litoral cerca de 220 mil pessoas, um aumento de 45% no fluxo de pessoas nas rodovias.

(O movimento nas estradas, principalmente na BR-343, começou às 6h de quinta-feira (28) , com pico no final da tarde e início da noite. Segundo o chefe da Comunicação Social da PRF, durante a operação a PRF vai intensificar o uso de radares nas estradas e dos bafômetros.

Com a operação, a PRF espera prevenir e diminuir a gravidade de acidentes; melhorar a fluidez do trânsito e combater infrações, como excesso de velocidade, ultrapassagens proibidas, dirigir sob influência de álcool, transitar pelo acostamento, entre outras.

Segundo a PRF, o fator humano é sempre o mais importante no trânsito, por isso aconselha que o motorista dirija com cuidado, seja prudente e pratique a direção defensiva.

De acordo com o coordenador da operação Jonas Mata. “Primeiro dia de operação estive pessoalmente na estrada (BR 343 sentido Parnaíba). Contamos um grande fluxo de veículos com destino ao litoral,  a PRF não registrou nenhum acidente grave. O maior número de multas foi por conta das ultrapassagens indevidas.”, disse.

Com informações Meio Norte



   



PUBLICIDADE