14 / 02 / 2018 - as 10:13
Ribinha avalia Carnaval em Campo Maior: “Alegria e tranquilidade”
Foto: Portal Fato
 
A chuva foi o folião que mais esteve presente no Carnaval em Campo Maior. Ela brincou muito, afastou foliões e chegou a cancelar uma banda, mas não estragou com a festa daqueles que estavam dispostos a aproveitar. Após cinco dias, o Carnaval no município é avaliado pelo prefeito Professor Ribinha como positivo. 
 
“O que marcou o nosso carnaval foi muita alegria, tranquilidade e principalmente muita oportunidade de negócios. Nossa cidade se transformou num palco que reúne vários elementos importantes: animação dos foliões, muitas atrações locais, regionais e nacional. Hoteis , pousadas, churrascarias, padarias”, disse o prefeito ao Portal Fato.
 
Dia a dia 
Na sexta-feira (09/02), o Corso Maior arrastou um grande público ao som de paredões de som. No Complexo Valdir Fortes, Limão com Mel e Fabrícia e Banda abriram a primeira noite. No sábado (10/02),  chuva apareceu depois que o folião já se encontrava na praça de eventos.
 
No domingo (11/02), a chuva caiu logo cedo e obrigou a organização a cancelar algumas das bandas. Na segunda-feira (12/02) não foi diferente. Na terça-feira (13/02), a chuva deu uma trégua no meio da noite e os foliões seguiram para acompanhar o último dia de Carnaval.
 
Dorgiaval Dantas, que também deveria subir ao palco nessa terça e Luan Estilizado, foram adiados para o Domingo de Páscoa. Segundo a prefeitura, os cantores tiveram problemas na agenda e não tiveram como chegar a tempo na cidade.  Durante os cinco dias, 32 blocos sairam às ruas de Campo Maior. 
 
Público no último dia da festa (Foto: Divulgação)
 
Autoridades acompanharam o últidmo dia de Carnaval (Foto: Divulgação)
 
Redação Portal Fato


   



PUBLICIDADE