13 / 03 / 2018 - as 13:11
Bispo critica falta de segurança e desemprego em missa da Batalha do Jenipapo
Uma missa em ação de graças na igreja matriz de Campo Maior abriu a programação em comemoração aos 195 anos da Batalha do Jenipapo nessa terça-feira (13/03). Com a presença do governador Wellington Dias, prefeito Professor Ribinha e autoridades estaduais e locais. 
 
O bispo Dom Francisco de Assis celebrou o ato. O religioso lembrou que essa é a primeira vez que participa da programação desde que assumiu o cargo em Campo Maior. Dom Francisco aproveitou das autoridades políticas para
 
“Nossos irmãos hoje sofrem vários tipos de opressão. Vocês, autoridades constituídas, sabem muito bem todas elas. A insegurança da população e o aumento da criminalidade, o desemprego, a falta de perspectivas dos jovens que fazem graduação. A retirada de recursos para atividades sociais pelo governo federal e a retirada de direito do trabalhador”, pontuou. 
 
O bispo, porém, afirmou que possuiu uma outra batalha pior que todas essas outras. Para ele, a propagação de notícia falsas e comportamento dos meios de comunicações coloca em risco o bem estar coletivo. 
 
“Além dessas sangrentas batalhas, temos uma mais terrível: a manipulação midiática. Nas redes sociais, espalham mentiras como se fossem verdades. A batalha midiática é uma das mais difíceis de se enfrentar. Esse inimigo é muito poderoso, com toda a tecnologia que possui”, disse. “Que nunca falta pão na mesa do trabalhador”, finalizou. 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Redação Portal Fato 



   



PUBLICIDADE