25 / 10 / 2018 - as 12:34
Suplente de vereador é condenado a 17 anos de prisão por homicídio
O suplente de vereador da cidade de Cocal dos Alves, Aurélio Cardoso de Brito, de 50 anos, autor dos disparos de revólver calibre 38 que ceifaram a vida de Domingos Manoel de Brito, o "Domingo Rita", de 45 anos de idade, foi sentenciado a uma pena de 17 anos, 08 meses e 15 dias de reclusão a ser cumprido inicialmente em regime fechado e ao pagamento de 10 dias-multa e das custas processuais.
 
O veredito foi dado durante sessão extraordinária do Tribunal Popular do Júri realizado na sala de audiências do Fórum da Comarca de Cocal, município da região Norte do Piauí. O julgamento teve inicio às 08h30min e se encerrou por volta de 02:00 horas da madrugada desta quarta-feira (24), com a leitura da sentença condenatória proferida pelo Juiz Dr. Carlos Augusto Arantes Júnior, que presidiu o júri.


   



PUBLICIDADE