14 / 08 / 2019 - as 08:34

 O Grupo liderado pelo médico cirurgião ortopedista Dr. Antônio Luís (PDT), com o vereador Paulo Aninha (PSB), ex-vereador Chagas Aninha e também com os vereadores Edmilson Bernardo (PSDB),  Carlinhos Bernardo (PTB),  ex-prefeito Gervásio Barbosa suplentes de vereadores e pré-candidatos a vereadores  anunciaram nesse sábado 10/08 a pré-candidatura à prefeitura de Boqueirão do Piauí nas eleições 2020.

O Grupo dos aninhas, como está sendo chamado por eleitores e amigos boqueirãoenses, tem origem em uma família pobre, mas que conseguiu sobressair às dificuldades, através da educação e trabalho.  Nos últimos anos, tem se destacado na política local.

O comerciante Luís Alves da Silva, casado com Florisa Fonseca, são pais de seis filhos, sendo duas mulheres e quatro homens. Sendo dois médicos, três advogados e uma enfermeira.

Atualmente a família Aninha tem um representante no poder legislativo municipal, o vereador Paulo Aninha do PSB, vaga antes ocupada pelo ex-vereador Chaga Aninha o mais velho dos filhos de Luís Aninha e Florisa.

O Grupo Aninha apoiou nas últimas eleições estaduais o deputado estadual Flavio Nogueira Júnior e o deputado Federal Flávio Nogueira (PDT), obteve uma votação surpreendente, o que mostra a aceitação do grupo pelo eleitorado boqueirãoense, além da adesão de várias lideranças políticas locais.

O vereador Paulo Aninha destacou que a importância de colocar o seu nome ou de uma das lideranças que integram o grupo Aninha, como pré-candidato, é devido o  trabalho que tem desenvolvido no mandato parlamentar e por isso está à disposição da população para desenvolver um projeto inovador para o nosso povo humilde.

Ainda segundo o cirurgião ortopedista Dr. Antônio Luís, presidente do PDT, o objetivo inicial é buscar filiações de pré-candidatos a vereadores e vereadoras, bem como buscar o diálogo com as demais forças políticas do município. ‘’Se depender da população estaremos dispostos ao chamamento popular’’, comentou Antônio Luís.

 


26 / 04 / 2019 - as 09:14

Nesta manhã de sexta feira (26), no Jornal Regional 1ª edição da rádio Meio Norte de Campo Maior o jornalista Pedro Borges, revelou  uma notícia dos bastidores da política na cidade de Boqueirão . O mesmo  afirmou que o Radialista Girlêudo  Silva que comanda o Jornal Regional 2ª edição na mesma emissora, está sendo sondado por grupos políticos para sair candidato a prefeito  no referido município.

A redação do portal entrou em contato com o radialista para checar  a informação . Girlêudo Silva não desmentiu a notícia, porém  ponderou  dizendo que ainda é muito cedo para falar das próximas eleições e que está se dedicando a sua vida profissional e acadêmica.

Redação do Portal Fato


13 / 12 / 2018 - as 12:24

Faleceu nesta quinta-feira (13) o ex-prefeito de Boqueirão do Piauí, Raimundo Pinto, 68 anos. Ele estava internado no Hospital de Urgência de Teresina (HUT), vítima de uma grande infecção e não resistiu, vindo a óbito nesta manhã.
 
De acordo com informações repassadas ao radialista Girleudo Silva pelo filho do  ex-prefeito, Geilson Mesquita, na última sexta-feira (7) Raimundo Pinto se queixou com fortes dores de dente.
 
"Ele fez uso de medicamentos, passou  o final de semana, e na segunda-feira o estado dele se agravou, levamos ele para o HUT, onde a infecção se espalhou por outros órgãos como pulmão. tórax, e não resistiu", explicou.
 
Raimundo Pinto, deixa esposa e três filhos.
 
Aguarde mais informações
 
Redação Portal Fato

23 / 05 / 2018 - as 11:25

Dois bandidos armados invadiram uma residência na noite de ontem, terça-feira (22/05) na entrada da cidade de Boqueirão do Piauí e tomaram de assalto uma motocicleta modelo Honda NXR/BROS/150, de cor verde, ano 2013, placa OUA-0632.  É a segunda moto tomada de assalto em menos de um mês na cidade. A outra foi uma C-100 Biz preta tomada de assalto durante os festejos de Nossa Senhora de Fátima em maio deste ano.

De acordo com a vítima, os dois suspeitos chegaram em uma moto Honda Fan de cor preta. "O da garupa desceu e apontou um revolver em minha cabeça. Ele pediu para mim entregar a minha moto,", disse Luciana.

A Polícia Militar foi acionada e chegou a fazer buscas na região, mas não obteve êxito na captura nos suspeitos. O sargento Rogério, policial de plantão, disse que os dois homens fugiram em direção a BR 343, via que liga Teresina ao litoral do Piauí. "Os assaltantes estão agindo mais no período da noite e atacando preferencialmente as mulheres em nossa região", afirmou Rogério.

OUTRAS AÇÕES

Em todas as ações, os criminosos chegam de dois em uma moto e pegam a outra e fogem. Populares acreditam que em todas as ações, os criminosos sejam os mesmo.

Em novembro de 2017 uma motocicleta modelo Pop, cor preta, placa, PIQ-6490, em nome de Iracilda Maria da Rocha, já havia sido tomada de assalto no mesmo local da ação de ontem, no bairro Vila Nova, na saída de Boqueirão sentido a Campo Maior.

O dono da casa viajou, mas a esposa, identificada por  Luciana e três filhos, de 15, 10 e 5 anos, respectivamente, tinham acabando de chegar em casa, por volta das 20hs . Assim que entrou em casa, os bandidos chegaram e anunciaram o assalto.

Acredita-se que eles já estavam esperando e sabiam que a mulher estavam só na companhia dos filhos e também já conhecesse a moto que sempre ficava estacionada na frente da casa

Populares estão aterrorizados, porque dizem que antes eram furtos. Agora é assalto em plena a luz do dia, com criminosos armados. Chegam e levam o que querem.

Fonte: campomaioremfoco

 


09 / 02 / 2018 - as 11:48

A criação da Colônia de Pescadores da cidade de Boqueirão do Piauí foi parar no Ministério Público. Há suspeita de que a ata de criação e a eleição da diretoria tenha ocorrido de forma fraudulenta. A justiça apura ainda se os membros da associação sejam mesmo profissionais que sobrevivam da pesca.
 
A denúncia foi apresenta ao MP pelo vice-prefeito da cidade Raimundo Filho. Ao Portal Fato, nessa sexta-feira (09/02), o político explicou as irregularidades que encontrou na formação da entidade. “Estão usando a colônia de pescadores de Boqueirão com fins políticos e vamos luta pra colocar ela nas mãos dos verdadeiros pescadores”, disse. 
 
Raimundo Filho disse que no ano de 2013 o vereador de Boqueirão Zeca Pinto formou a colônia de pescadores do município. Porém, a Federação de Pescadores do Estado do Piauí anulou a criação depois de constatar que seus membros não se tratavam de pescadores. 
 
“Em julho do ano passado resolvi lutar pela criação para que nossos pescadores fossem beneficiados. Fiz reuniões  para organizar a classe e procurei a federação”, disse. “Mas no domingo passado fizeram uma reunião aonde já chegaram com uma ata pronta e formaram uma diretoria ilegítima”, afirmou. 
 
O vice-prefeito comentou no Jornal Regional 1ª edição, apresentado por Pedro Borges e Káttia Rodrigues, na rádio Meio Norte de Campo Maior, que briga agora na justiça para anular a criação da colônia. 
 

 
Redação Portal Fato

30 / 12 / 2017 - as 11:04

Ação foi durante uma fiscalização na rodovia PI-331, entre Boqueirão do Piauí e Boa Hora.

A Força Tática de Campo Maior e GPM do Boqueirão do Piauí realizou a prisão de um homem que não teve a identidade revelada pela PM, na tarde de ontem, sexta-feira (30). Ele pilotava uma motocicleta modelo Honda NXR 150 Bros, de cor vermelha, com placa clonada. A apreensão aconteceu na PI-331 entre Boqueirão do Piauí e Boa Hora.

Os policiais faziam operação na região quando o motociclista foi abordado. Após consulta, constatou-se que a motocicleta tinha placa clonada da cidade de Caraúbas do Piauí e era produto de roubo.

O condutor, que reside na cidade de Barras, foi conduzido para a Delegacia Regional de Piripiri.

Fonte: Ascom PM


03 / 11 / 2017 - as 11:33

Um homem identificado por Mauro Silva esfaqueou seu colega conhecido por Luciano Rocha, na tarde de quinta feira (02). O fato ocorreu no município de Boqueirão do Piauí.

Segundo o Grupamento de Polícia Militar (GPM) de Boqueirão informa que a vítima e o acusado bebiam juntos em um bar no momento que Mauro sacou uma faca e desferiu um golpe em Luciano.  “O Luciano estava bebendo. Mauro chegou ao bar, se entrosou e ficou na mesma mesa dele. Depois pediu a moto da vítima emprestada, foi em casa, pegou uma faca e voltou para o bar. Em determinado momento atingiu o Luciano com uma facada”, relata o sargento Rogério Pereira. 

De acordo com informações após esfaquear seu desafeto Mauro roubou uma moto para empreender fuga do local, mas perdeu o controle do veiculo em uma curva e acabou sofrendo um grave acidente. Ocasionando várias lesões e traumatismo craniano.

Segundo informações repassadas pelo comandante do GPM Sargento Rogério, a lesão corporal grave contra Luciano pode ter sido realizada a mando de alguém e motivada por um crime cometido por ele no município de Capitão de Campos – “Luciano estava fugido há duas semanas em Boqueirão do Piauí. Recebemos informações do GPM de Capitão de Campos que ele tinha desferido golpes de faca contra um cidadão daquele município deixando-o de cadeira de rodas e sem movimento em uma das mãos. Estamos trabalhando na hipótese que Mauro tenha esfaqueado Luciano motivado por um tipo de vingança”, acrescentou

Com informações do Portaldeolho


10 / 08 / 2017 - as 12:45

Nesta quarta-feira, (9), o vereador Edilson Bernardo, de Boqueirão do Piauí, ligou para o Programa Jornal Regional da Rádio Meio Norte de Campo Maior para pedir um esclarecimento junto a prefeitura sobre o parcelamento do débito do fundo previdenciário.

Segundo o vereador, houve um outro parcelamento em 2016. “ Agora, a prefeitura não identificou qual o valor e muito menos onde foram aplicados os recursos. Queremos uma apresentação mais clara desse projeto”, disse.

Edilson acrescenta que haverá uma votação neste sábado, e por isso, exigem um esclarecimento por parte do Prefeito Solteiro.



PUBLICIDADE