08 / 02 / 2019 - as 12:18

Um incêndio no fim da madrugada desta sexta-feira, 8 de Fevereiro de 2019, deixou 10 mortos e 3 feridos no Ninho do Urubu, Centro de Treinamento do Flamengo-RJ na zona oeste do Rio de janeiro. Dois piauienses também atuam na base do Flamengo-RJ: Caio, capitão do time Sub-13 e Samuel, do time Sub-17. Caio não estava no CT e Samuel estava, mas seu alojamento não foi atingido.

O jovem piauiense Samuel, 17 anos de idade, natural de Teresina com ramificações familiares em São Gonçalo do Piauí há seis anos é atleta do Flamengo-RJ e participou do Memorial Stefano Gusella, disputado em Turim, na Itália. No jogo de despedida do time carioca na competição, o Flamengo goleou o adversário pelo placar de 7 a 0, com direito a dois gol do jovem piauiense.

Samuel saiu de Teresina com 11 anos de idade para jogar no Flamengo-RJ e desde então nunca saiu, sendo hoje uma das grandes promessas do time da gávea.

Samuel, natural de Teresina, jogador do time Sub-17 do Flamengo-RJ

Nascido em Teresina-PI em 08 de Janeiro de 2006, Caio Felipe Batista Araújo (foto abaixo), capitão do time Sub-13 do Flamengo-RJ é atualmente umas das “joias” da base do clube carioca, tratado com muita atenção pelos treinadores. Muitos já apostam que o piauiense será em breve motivo de acúmulo de muito dinheiro na conta bancária rubro-negra.

Caio, piauiense de Teresina, capitão do time Sub-13 do Flamengo-RJ

Aos 8 anos de idade, Caio começou a desenvolver suas habilidades no futebol na Escolinha da AABB, em Teresina, sob a coordenação dos treinadores Aníbal Lemos e Aníbal Lemos Filho. Aos 10 anos de idade, migrou para o futsal, destacando-se em várias competições atuando pelo Celtic, de Teresina, tendo como treinadores Juniel e Matheus. No Celtic,  além de goleador, destacava-se pela forte força física, boa altura, diferenciais em relação aos demais atletas da mesma faixa etária que somava-se a admirável habilidade com a bola no pé.

fonte: Tribuna do Nordeste

 

 


06 / 02 / 2019 - as 11:56

O Fluminense aproveitou a fragilidade do River-PI para avançar sem sustos na Copa do Brasil. No jogo que abriu a edição 2019 da competição, o time carioca venceu fácil o modesto rival por 5 a 0, nesta terça-feira, no Estádio Albertão, em Teresina. Luciano, com dois gols marcados, foi o destaque da partida.

A goleada ampliou o bom começo de temporada do setor ofensivo do Fluminense, que fez 12 gols na fase de classificação da Taça Guanabara e agora chegou aos 17 em seis jogos oficiais na temporada, sendo que nesta terça marcou três vezes no primeiro tempo, depois só administrando a vantagem. 

Na segunda fase da Copa do Brasil, o Fluminense vai encarar o vencedor do duelo entre o paulista Votuporanguense e o gaúcho Ypiranga, que será realizado nesta quarta-feira. Já no próximo sábado, às 19 horas, enfrentará o rival Flamengo, no Maracanã, pelas semifinais da Taça Guanabara. 

Fonte: cidadeverde.com

 


01 / 11 / 2018 - as 07:35

Morreu na madrugada desta quinta-feira (1º), Cesarino Oliveira, presidente da Federação de Futebol do Piauí (FFP). Ele estava internado desde a última terça, no Hospital São Marcos, após passar mal em casa. Presidentes de várias federações são aguardados em Teresina para as últimas homenagens. 

Segundo nota divulgada pela FFP, o corpo do presidente será velado a partir das 7h na Pax União, localizada na Av. Miguel Rosa. A federação lamentou a morte. 

Confira a nota na íntegra: 

Prezados, 

É com profundo pesar que informamos a morte do nosso grande amigo e companheiro Cesarino Oliveira, presidente da Federação de Futebol do Piauí. 

Cesarino estava internado na Unidade de Terapia Intensiva do Hospital São Marcos desde as primeiras horas da última terça-feira (30), quando precisou passar por um procedimento cirúrgico após passar mal em casa. Neste momento de dor e consternação, rogamos a Deus que dê conforto à seus familiares e amigos ao tempo em que pedimos encarecidamente que seja respeitado o momento difícil pelo qual todos nós estamos passando. 

Atenciosamente, 
Federação de Futebol do Piauí

 

Fonte:cidadeverde.com
 

 


11 / 10 / 2018 - as 09:44

A piauiense Sarah Menezes conquistou a medalha de bronze no Campeonato Brasileiro de Judô. A atleta representou a seleção carioca pelo Clube de Regatas Flamengo por onde é atleta atualmente, na categoria Feminino Ligeiro (-48kg).

 A competição aconteceu em Lauro de Freitas, na Bahia, durante os dias 9 e 10 de outubro. Após a luta, a judoca rubro-negra deu um recado para a Nação.

“Estou muito feliz com a conquista da medalha de bronze aqui na Bahia. Agradeço toda a Nação Rubro-negra, a minha família e aos meus amigos por todo o apoio e carinho. Agora é me preparar para a próxima etapa”, disse a rubro-negra.

Sarah Menezes viajou ainda ontem(10) para participar do Grand Prix de Cancún, no México, que será realizado entre os dias 11 e 15 de outubro. Ela se juntará as demais atletas que fazem parte da Seleção Brasileira que disputa a competição.


fonte:cidadeverde.com

 

 


08 / 08 / 2018 - as 09:36

Com arquibancadas lotadas foi aberta ontem, 07, a Copa Cidade de Futsal na quadra de esportes "Caldeirão do Zabelao".Compareceram o Deputado Estadual Aluísio Martins, Vereadora Erlandia Barroso e o Secretário de Esportes Júnior Martins.O Radialista e Desportista Filho Morais comandou o evento com muita organização e uma narração muito empolgante.Contou com o auxílio do Repórter Paçoca e Deri.O jogo de abertura envolveu os times Geopoços e Pimenta.Geopoços ganhou de goleada o primeiro desafio.

 


11 / 07 / 2018 - as 08:00

Em julho de 1998, o lateral e zagueiro Lilian Thuram, nascido em Guadalupe, fez o que não se esperava dele: anotou dois gols e colocou a França na final da Copa do Mundo.

Vinte anos depois, em julho de 2018. o defensor Samuel Umtiti, filho de Iaundé, capital de Camarões, foi ao ataque e, com uma cabeçada, voltou a colocar a seleção francesa na decisão do Mundial.

Foi o lance que definiu a vitória por 1 a 0 sobre a Bélgica nesta terça (10), em São Petersburgo.

A França espera agora o vencedor do confronto entre Inglaterra e Croácia, que fazem a outra semifinal. A partida será nesta quarta (11), em Moscou, cidade que também receberá o último jogo do torneio, no domingo (15).

Foi partida com velocidade, disputada e nervosa. Mas apenas dentro de campo. Com pequeno número de torcedores nas cadeiras da arena de São Petersburgo, belgas e franceses pouco foram ouvidos. Em determinado momento do segundo tempo, a única torcida ouvida foi a brasileira, que tinha ingressos para a partida na esperança de que a seleção de Tite estivesse presente. A Bélgica não deixou que isso acontecesse.

Como a Copa do Mundo é de futebol, não de torcidas, os belgas tinham melhor toque e tentava sair mais para o jogo. Com liberdade de movimentação, Eden Hazard criava problemas todas as vezes que pegava na bola. Duas vezes poderia ter aberto o placar, mas errou o alvo na finalização. Eles perceberam que havia um problema de marcação no setor direito da defesa francesa e tentaram explorá-lo.

Não havia cobertura para Pavard. Mas o lateral francês, quando foi à frente, quase fez o gol aos 39. Saiu de frente para Courtois, que fez grande defesa.
Quando percebeu que a Bélgica tinha domínio no meio-campo. Griezmann saiu da ponta direita e começou a jogar como meia. Deu uma opção na saída de jogo para sua equipe, já que Pogba, a principal fonte de criatividade francesa, era marcado de perto por Fellaini.

Nenhum dos dois técnicos tentou surpreender o outro. Roberto Martínez não repetiu a fórmula que apanhou Tite desprevinido nas quartas de final. Lukaku, embora tenha saído da do centro do ataque em alguns momentos, não foi um ponta, como aconteceu contra o Brasil. De Bruyne foi mais armador que falso 9. A França fazia de tudo para obter um lançamento para Mbappé em velocidade.

Deu certo uma vez antes do intervalo. O atacante cruzou para Giroud, que ainda não fez gols na Copa do Mundo. Ficou explicado o motivo. O centroavante finalizou fraco, mal e sem direção.

A França precisou de apenas uma jogada no segundo tempo para colocar a Bélgica em estado de desespero. Aos cinco minutos, Umtiti se antecipou à zaga adversária na cobrança de escanteio e fez o 1 a 0.

Foi a senha para a equipe de Didier Deschamps recuar, deixar apenas Griezmann ou Mbappé no ataque e esperar para sair em velocidade. Aconteceu três vezes, mas em todas Mbappé tentou o passe em vez do lance individual e não aconteceu nada.

A Bélgica precisava cada vez mais de Hazard e ele buscava a bola e se deslocava. Armada na defesa e pronta para o bote decisivo, a França não dava espaço. A solução belga era tentar os chutes de fora da área (Wietsel e De Bruyne arriscaram três vezes) e cruzar bolas na área para aproveitar as alturas de Fellaini e Lukaku. Para ter mais jogadas de linha de fundo, entrou Mertens.

Era questão de tempo. Não havia resposta que a equipe de Roberto Martinez pudesse fazer para conseguir o empate. A França deixou o jogo correr e até sua torcida encarou a vitória com ar blasé. Pouco importava. Tal qual Thuram há 20 anos, Umtiti foi outro defesor a colocar sua seleção na final da Copa do Mundo. Tolisso ainda desperdiçou uma grande oportunidade para anotar o segundo, nos acréscimos.

Fonte: cidadeverde.com

 


24 / 06 / 2018 - as 12:08

Eliminado da última Copa do Mundo após acachapante goleada por 7 a 1 para a Alemanha, o Brasil tem chances de enfrentar os algozes de 2014 já na próxima fase deste Mundial.

A definição dos grupos de Brasil e Alemanha, E e F, respectivamente, acontece na próxima quarta-feira (27).

Os jogos do grupo da seleção brasileira serão às 15h. Os da chave alemã, às 11h, ou seja, a equipe comandada por Tite entrará em campo já sabendo o que aconteceu com os atuais campeões mundiais.

Veja as combinações para que as duas seleções se enfrentem:

BRASIL LÍDER DO GRUPO D E ALEMANHA SEGUNDA DO GRUPO F
Se vencer a Sérvia, a seleção brasileira vai a 7 pontos e só poderá ser alcançada pela Suíça, caso esta vença a Costa Rica. Dessa forma, os europeus também iriam a 7 pontos e a definição se daria nos critérios de desempate. Hoje, o Brasil tem um gol a mais de saldo (2 a 1).

Em caso de empate, o Brasil avança em primeiro se a Suíça empatar ou perder para a Costa Rica.

Para que fiquem em segundo no Grupo F, os alemães têm de vencer a Coreia do Sul e o México não pode perder para a Suécia.

BRASIL EM SEGUNDO DO GRUPO E E ALEMANHA DO GRUPO F
Se empatar com a Sérvia, a seleção brasileira vai a 5 pontos. Caso a Suíça vença a Costa Rica, irá a 7 e assumirá a liderança.

Outra possibilidade é que o Brasil seja derrotado pela Sérvia, desde que a Costa Rica também vença a Suíça -neste caso, a vaga entre brasileiros e suíços seria definida nos critérios de desempate.

Pelo outro grupo, é necessário que a Alemanha vença a Coreia do Sul e que a Suécia supere o México.

Assim, alemães, suecos e mexicanos ficariam com 6 pontos cada um e definiriam líder, vice-líder e eliminado nos critérios de desempate.

Fonte: cidadeverde.com


22 / 06 / 2018 - as 11:17

O Brasil escapou de se complicar na Copa do Mundo da Rússia. Com gols de Phillipe Coutinho e Neymar no final do jogo, a seleção venceu a Costa Rica por 2 a 0 em São Petersburgo e agora pode respirar tranquila até o jogo da próxima quarta (27), contra a Sérvia.

Com um primeiro tempo sem chances de gol, o time brasileiro melhorou na segunda etapa após as entradas de Douglas Costa e Firmino nos lugares de Willian e Paulinho, respectivamente. No entanto, desperdiçou inúmeras chances de abrir o placar.

Ainda no segundo tempo, Neymar caiu na área após suposto puxão de camisa do adversário. O juiz assinalou pênalti, mas alertado pelo sistema de árbitro de vídeo, anulou a marcação. O lance irritou os jogadores brasileiros. Logo depois, Neymar e Phillipe Coutinho levaram amarelo por reclamarem de outro lance.

Os dois gols do Brasil só vieram nos acréscimos, com Coutinho e Neymar.

Fonte: cidadeverde.com

 

 



PUBLICIDADE