24 / 06 / 2018 - as 12:13

Um policial civil reagiu e matou um suspeito nessa sexta-feira (23) durante uma tentativa de assalto a um mercadinho no povoado Altamira, zona rural de Nazária, a 30 km de Teresina. Outro bandido foi baleado e entrou dentro da mata, e um terceiro conseguiu fugir ileso.

"Três bandidos encapuzados chegaram em duas motos e anunciaram o assalto a um comércio. A mulher do comerciante saiu correndo com uma criança pelos fundos. O policial estava no sítio da mãe dele viu e foi lá verificar a ocorrência, mas foi recebido a tiros pelos assaltantes. Ele reagiu e acertou um suspeito, que morreu no local, e outro ficou ferido, mas entrou na mata. O terceiro conseguiu fugir", contou o coordenador do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), delegado Francisco Costa, o Barêtta.

Segundo o delegado, será instaurado um inquérito policial para apurar o fato. Uma equipe da DHPP foi até o local apurar informações da ocorrência, junto com a Perícia Criminal.

A Polícia Militar informou que continua em diligência para prender os outros suspeitos. Um revólver calibre 32 com quatro munições e uma moto foram apreendidos.

Fonte: campomaioremfoco

 


24 / 06 / 2018 - as 12:06

Duas pessoas morreram e cinco ficaram feridas em um acidente envolvendo três motocicletas na estrada da Usina Santana, em Teresina, na madrugada deste domingo (24). O acidente ocorreu por volta de 0h40 quando o condutor de uma das motos teria invadido a preferencial. 

"O condutor da Pop 100 invadiu a faixa contrária onde vinham as duas outras motos e houve o acidente. As cinco pessoas que vinham na mão correta iam para um retiro", disse a major Ayla Rodrigues, comandante do Companhia Independente de Policiamento de Trânsito (Ciptran). 

O condutor da Pop 100 foi identificado como Márcio de Sousa Santos, 34 anos, teve morte imediata. O passageiro que vinha na garupa de Márcio sofreu ferimentos leves. 

A segunda vítima fatal foi identificada como Rosângela Oliveira da Costa Sousa, 53 anos. Na mesma motocicleta estavam o condutor, José da Silva Sousa, 58 anos, que sofreu uma fratura na perna e Andeslânia Oliveira Sousa, uma criança de nove anos que fraturou o pé. 

Os ocupantes da terceira motocicleta foram identificados como Anderson Costa Sousa, 34 anos, e Islani OLiveira Costa Sousa, 33 anos.  Os dois sofreram apenas lesões.

Os feridos foram encaminhados ao hospital. As causas do acidente serão confirmadas.

Fonte: cidadeverde.com

 


24 / 06 / 2018 - as 12:02

A segurança pública do litoral do Piauí recebeu um novo reforço com a doação de três viaturas para Parnaíba e Luís Correia, adquiridas por meio de emendas do deputado federal Fabio Abreu (PR). O parlamentar entregou o veículo na manhã deste sábado (23) na Praça da Graça, no centro da cidade de Parnaíba.

Durante a entrega das viaturas o comandante da Companhia Independente de Policiamento Turístico (CIPTur), major Danilo Palhano, agradeceu o deputado pela emenda que  que possibilitou adquirir essas viaturas para melhorar a prestação de serviço de segurança de Parnaíba e Luís Correia. “Quero dizer que essas viaturas vão fazer a diferença, mas necessitamos de mais. O povo de Parnaíba precisa de segurança”, disse.

Para Luiz Pessoa, presidente Associação Comercial de Parnaíba, a aquisição destas viaturas é muito importante no reforço na segurança na cidade de Parnaíba. “E com alegria que Parnaíba recebe essas viaturas,  que são importantes para a segurança publica da nossa cidade”.

O Tenente Coronel Antônio Pacífico Neto, comandante do 2º Batalhão da Polícia Militar do Piauí, agradeceu o deputado por olhar para o litoral e pela doação de viaturas para compor a frota.

No discurso o Fabio Abreu ressaltou a importância de uma segurança pública de qualidade e preventiva, que hoje ganha mais um aparato. E falou que na próxima semana serão entregues equipamentos como fuzis, pistolas e capacetes balísticos e motocicletas, necessários para que os policiais possam trabalhar bem equipados e mostrarem bom trabalho.

Finalizou falando que o Piauí  é o estado mais seguro do Nordeste e terceiro do Brasil graças ao suor e dedicação de cada policia militar, policias civis e bombeiros militares. “Nosso compromisso é sempre melhorar o atendimento a este povo na questão da segurança. Também buscar melhorar a renumeração que é uma meta que vamos conseguir chegar”, disse.

O suplente de Vereador Astrogildo Fernandes enalteceu a brilhante atuação e empenho do Deputado Federal Fábio Abreu, que tão bem representa o povo piauiense no congresso nacional, principalmente na área da segurança pública no aparelhamento das policias civil, militar e pericias criminais com equipamentos, veículos, armamentos e coletes balísticos. “Nosso Deputado tem colaborado de forma positiva e satisfatória com a segurança pública de nosso estado e nossa região” destacou.

Fonte: acessoblogphb

 


22 / 06 / 2018 - as 11:23

A advogada da família das vítimas dos jovens Bruno Queiroz e Francisco das Chagas Júnior, e do jornalista Jader Damasceno, do coletivo Salve Rainha, entrou com pedido de prisão preventiva contra Moaci Moura da Silva Júnior o acusado de mata-los em um acidente trânsito.

O pedido será analisado pelo Desembargador Sebastião Ribeiro Martins, da 2ª Câmara Especializada Criminal do Tribunal de Justiça do Piauí. O acidente aconteceu na Avenida Miguel Rosa em 26 de junho de 2016.

Segundo a advogada, Jaqueline Carvalho, o acusado não está cumprindo as medidas cautelares impostas para que ele possa responder em liberdade, e anexou no pedido uma foto de um ‘stories’ do Instagram de um amigo de Moaci, em que este dizia a frase “Meu amigo ‘véi’ vai fazer falta no Piauí”. O print foi feito por uma prima das vítimas nas redes sociais que diz ter sido publicada no dia 14 de abril deste ano.

Além disso, a acusação também acrescentou o relato de uma testemunha que viu Moaci em um bar, localizado em um posto de combustíveis, na zona sul de Teresina consumindo bebida alcoólica. A advogada afirma que as provas mostram que o acusado não está cumprindo as medidas, que incluem deixar de frequentar bares e casas noturnas, dirigir e fazer uso de bebidas alcoólicas em ambientes públicos e se ausentar da Comarca de Teresina sem autorização da Justiça. 

“Diferente dos argumentos da defesa do Moaci naquele pedido de revogação, ele vem constantemente descumprindo as medidas cautelares. Inicialmente foi muito difícil, porque uma pessoa falava, outra falava, mas ninguém tinha provas. Essa legenda prova que ele iria sair do Piauí, que ia se ausentar da comarca de Teresina sem a devida autorização judicial”, disse a advogada.

A defesa de Moaci já havia pedido a revogação das medidas cautelares que restringiam o horário de saída do jovem, para que pudesse frequentar ambientes sociais no turno da noite, que foi indeferido pela Justiça.

A advogada da família também entrou com um mandado de segurança para tentar desconstituir a decisão do habeas corpus que pôs ele em liberdade e um pedido alternativo que pede o monitoramento eletrônico por meio de tornozeleira. 

“Por meio dessa medida nós temos como saber se ele está cumprindo as outras medidas, como se saiu do estado, se saiu fora do horário, fica mais fácil de se ter mais segurança, a sociedade e a família das vítimas”.

Foto: Reprodução rede social

Fonte:cidadeverde.com

 


20 / 06 / 2018 - as 10:21

Os feminicídios ocorridos em Teresina, apenas no primeiro semestre deste ano, já ultrapassaram em mais de 30% os casos registrados em todo o ano de 2017, segundo a Secretaria de Segurança do Piauí. A delegada Eugênia Villa, subsecretária de segurança do estado, afirmou que os números representam uma verdadeira tragédia para a sociedade e para as famílias que perdem mulheres para o machismo.

Este ano a polícia já confirmou 12 casos de feminicídio entre janeiro e maio, em todo o estado. Durante todo o ano de 2017, foram seis casos na capital. Até o fim do mês de maio deste ano, havia sete casos registrados e, nessa terça-feira, (19), mais uma morte de mulher aconteceu na capital. Ao todo, foram dois casos a mais, representando um aumento de 33%.

A vítima foi a diarista Francinilda Pereira de Andrade, 33 anos, morta a pauladas por um idoso de 66 anos, identificado como José Ribamar Costa, que confessou à polícia ter matado Francinilda por ter desconfiado de uma suposta traição.

Mesmo antes do fim do inquérito policial, a delegada Eugênia já diz notar as características de um feminicídio. “Era uma mulher pobre e negra que foi morta por um homem dentro de casa. Há um padrão nessas vítimas. Todas nós delegadas e mulheres ficamos estarrecidos com cada novo caso que aparece”.

Ela destaca que o feminicídio é um crime que destrói a família e tem um caráter político, por atingir diretamente a vítima em sua condição de mulher. Segundo ela, é fundamental que as vítimas procurem ajuda denunciando qualquer tipo de violência antes que seja tarde demais. Ela fez um apelo para que as vítimas e seus amigos, familiares e conhecidos denunciem qualquer tipo de violência.

“O que mais nos desafia é que as mulheres são mortas em ambientes em que estariam seguras, em casa, em sua residência, por isso a dificuldade de detectar esses casos com antecedência. Elas não pediram socorro na delegacia. As pessoas têm que denunciar”, declarou.

Três feminicídios em 24 horas

Gabriela de Carvalho foi esfaqueada e morta pelo companheiro após uma briga do casal (Foto: Reprodução/Facebook)

Os três casos foram registrados em: Paulistana, onde Gabriela de Carvalho, 22 anos, foi esfaqueada e morta pelo companheiro após uma briga nessa segunda-feira (18).

Irismar foi morta pelo ex-companheiro (Foto: Reprodução/Facebook)

Em Teresina, na manhã dessa terça-feira (19), um idoso de 66 anos, identificado como José Ribamar Costa, confessou à polícia ter matado Francinilda Pereira de Andrade, 33 anos, a pauladas. Em Piripiri, a empregada doméstica Irismar Castro, de 38 anos, foi morta pelo ex-companheiro nessa terça-feira (19).

Fonte: G1Pi

 

 


08 / 06 / 2018 - as 12:03

Dois suspeitos de tentativa de assalto a um comércio na cidade de Alto Longá foram detidos pela Força Tática de Altos por volta das 21h30 desta quinta-feira (07/06). Eles bateram o carro em que estavam no muro do Mercado da Comida, próximo ao Centro Cultural Poeta Zé da Prata, centro do município de Altos.
 
Os suspeitos foram identificados por Rafael Medeiros Guedes e Tiago Nunes Pereira. Eles disseram aos policiais que residem nos Bairros Dirceu Arcoverde e Novo Horizonte, respectivamente, em Teresina. Tiago, que já tem mandado de prisão preventiva em seu desfavor sob a acusação de roubo, foi baleado nas pernas e conduzido para o hospital municipal.
De acordo com Tenente Flávio, subcomandante da 3ª Companhia, a polícia iniciou diligência após receber notícia do assalto a um estabelecimento que fica a 6 km da zona urbana do município vizinho. 
 
“Fomos informados que eles estavam em um Gol preto, e que teriam seguido para Altos. Durante deslocamento pela PI-221 a viatura cruzou com os suspeitos nas proximidades da “Chácara da Eliete” e iniciou acompanhamento tático. Já no centro de Altos eles colidiram o carro; dois deles foram detidos e um conseguiu fugir”, descreve o tenente.
 
Tentativa de linchamento
 
A polícia teve trabalho para conter os ânimos de dezenas de populares que se aglomeraram no local onde ocorreu a prisão. A população fez um cerco e queria linchar os suspeitos. Somente após a chegada de reforço é que os militares conseguiram dar continuidade à ocorrência.
 
fonte: campomaioremfoco
 

08 / 06 / 2018 - as 11:59

Será enterrada hoje, em Floriano (PI), a operadora de caixa Tauane Morais dos Santos, 23 anos. Na noite da última quarta-feira, ela se tornou a 11ª vítima de feminicídio no Distrito Federal apenas este ano. A jovem foi morta a facadas pelo ex-companheiro, Vinícius Rodrigues de Sousa, 24, no apartamento onde o casal morava com dois filhos, de 2 e 4 anos, em Samambaia Norte. O homem, que trabalhava como chapeiro, não aceitou o término do relacionamento, descumpriu medida protetiva e esfaqueou a vítima diversas vezes. Após o crime, desferiu mais de 20 facadas no próprio corpo, segundo a Polícia Civil. Ela morreu na hora. Ele chegou a ser resgatado com vida, mas faleceu às 13h de ontem, no Hospital Regional de Taguatinga.
 
Essa foi a segunda briga do casal em menos de quatro dias. A última havia sido no domingo. Durante a discussão, Tauane disse que estava cansada e que queria pôr um fim ao relacionamento de quatro anos. Pediu que o companheiro pegasse as coisas dele e fosse embora. No depoimento à Polícia Civil, ela contou que, depois disso, ele ficou “descontrolado”, quebrou diversos eletrodomésticos que haviam sido comprados por ela, como a televisão e a geladeira, a agrediu, ameaçou de morte e tentou enforcá-la. O filho de 2 anos do casal testemunhou a cena, e chorava desesperado.
 
Vizinhos chamaram a Polícia Militar, que separou a briga. Eles foram levados à 24ª Delegacia de Polícia (Samambaia Norte), onde Tauane deu depoimento e Vinícius foi preso por injúria, ameaça, dano qualificado e vias de fato no âmbito da Lei Maria da Penha. A mulher conseguiu medida protetiva com urgência e, no dia seguinte, o juiz Aragonê Nunes Fernandes, do Juizado de Violência Doméstica e Familiar Contra a Mulher de Samambaia, soltou o agressor após a audiência de custódia. Conforme ata de audiência, o magistrado entendeu que a fixação de medidas protetivas eram suficientes para acautelar o processo e manter a integridade da vítima.
 
Além do casal e dos dois filhos, o irmão da vítima, Thalis dos Santos, 32, morava no apartamento com a mulher e um filho. Na quarta-feira à noite, Vinícius foi ao apartamento onde o casal morava em um horário em que apenas Tauane estava. O assassinato ocorreu em seguida. Como não há sobreviventes ou testemunhas, a Polícia Civil não tem informações se o casal chegou a discutir antes do crime. O sobrinho da vítima foi o primeiro a ver a cena do crime, e a mãe dele chamou os policiais.
 
Segundo o delegado-chefe da 24ª DP, Eduardo Galvão, Vinícius não tinha passagens pela polícia. “No depoimento, Tauane afirmou que o companheiro a havia agredido algumas vezes, mas que ela nunca o havia denunciado. Crimes violentos como esse são derivados de uma escada de acontecimentos. Começam com agressões verbais, vai passando para físicas, até chegar a esse ponto.”
 
Luto
 
Vizinhos afirmam que as brigas se tornaram mais frequentes no último mês. Tauane nasceu em Araguaína (TO), e mudou-se para o Piauí, onde conheceu Vinícius. Eles vieram juntos para Brasília em busca de melhores oportunidades de emprego. Luciana dos Santos, cunhada de Tauane, contou que os dois filhos da vítima ficarão com os tios, mas informou que a família prefere não se manifestar no momento. Vinícius também será enterrado no Piauí, mas não há informações sobre a data do velório.
 
Fonte: Correio Braziliense

08 / 06 / 2018 - as 11:56

O engenheiro civil Domingos Sávio Galiza foi encontrado morto na manhã desta sexta-feira (8) dentro do próprio veículo, na zona sudeste de Teresina. O carro da vítima estava estacionado ao lado do stand de vendas do empreendimento imobiliário em que o engenheiro era responsável, no bairro Recanto dos Pássaros, na região do Deus Quer. 
 
De acordo a perícia, a vítima levou sete facadas. A possível arma do crime foi localizada no interior do veículo e nenhum pertence pessoal foi subtraído. 
O crime ocorreu por volta das 7 horas. O Cidadeverde.com recebeu a informação de que a vítima tinha visitado a obra, saiu para tomar um café em uma padaria e teria sofrido o atentado ao retornar a obra. 
 
Policiais do 8° Batalhão da Polícia Militar isolaram o local. A perícia criminal e a Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) iniciaram a investigação.
 
O comandante do 8°BPM, major Wilton Sousa, informou que foram comunicados via 190. Ele informou que até o momento são poucas as informações do ocorrido e que não há suspeitos de quem praticaram o crime. O major relatou que alguns populares relataram que o carro chegou até o local “meio desgovernado”.
 
A vítima foi encontrada no banco do motorista caído para o lado do passageiro.
 
O delegado do caso, Jarbas Lima, relatou que as investigações iniciais apontam que o autor do crime estava dentro do veículo quando atingiu a vítima. Foram seis facadas no tórax e uma na região no pescoço. O delegado disse ainda já está colhendo informações sobre a relação da vítima com os funcionários da obra e se ele tinha alguma desavença.
 
Jarbas descartou uma tentativa de latrocínio, pois os objetos pessoais da vítima estavam com ele. "A gente pode precisar que tinha uma pessoa com ele dentro do carro, estamos tentando identificá-la. Vamos procurar saber já tinha algum histórico de confusão, com algum funcionário, já que ele era o engenheiro responsável pela obra. Não podemos adiantar muito sobre o fato para não atrapalhar as investigações, e queremos dar uma resposta o mais rápido possível", destacou.
 
Sávio Galiza tinha 70 anos, era casado e deixa três filhos. A família está no local e não quis dar entrevistas.
fonte:cidadeverde.com


PUBLICIDADE