23 / 02 / 2018 - as 10:27

Um suspeito morreu e outro ficou ferido durante ação da Polícia Civil na cidade de Parnaíba, no litoral do Piauí. O baleado foi identificado como Alex dos Santos Nunes conhecido como um dos 'gêmeos do crime'. Ele e o irmão, Alan dos Santos Nunes ( que não foi alvo da operação pois já se encontra preso) ficaram bastante conhecidos após gravarem um vídeo de dentro do presídio no ano passado. 
 
O suspeito atingido fatalmente foi identificado como Ricardo Pereira de Souza, vulgo Pertubinha, suposto comparsa de Alex que foi baleado. Ambos foram atingidos após reagirem a ação policial na manhã desta sexta-feira (23). Os policiais cumpriam mandados de busca e apreensão e prisão contra o Alex quando houve reação. 
 
Na casa foram apreendidas armas, munições e uma máscara. Alex foi encaminhado ao  Hospital Estadual Dirceu Arcoverde e não há informações sobre seu estado de saúde.
 
Gêmeos do crime
Alex estava foragido do sistema prisional desde fevereiro de 2017, quando fugiu da penitenciária Irmão Guido, em Teresina. A Polícia Civil informou também que ele é suspeito de vários homicídios na cidade de Parnaíba e Luís Correia, bem como envolvimento em tráfico de drogas. 
 
Alex e o irmão Alan (que já está preso) são considerados de alta periculosidade, de acordo com a Polícia Civil.  Entre as ações criminosas atribuídas aos dois estão assaltos a residências de luxo que seriam comandadas pela dupla de dentro do presídio. 
 
 
Fonte: Cidade Verde 

21 / 02 / 2018 - as 11:07

Lula lidera os dois cenários da pesquisa (Foto: Reprodução)
 
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), lidera, com grande margem de vantagem , a disputa pela Presidência da República no Piauí. O eleitor ao dar essa grande margem de vantagem já sabia que o Tribunal Regional Federal (TRF) da 4ª Região tinha condenado Lula a 12 anos e um mês de prisão.
 
A pesquisa do Instituto Amostragem, encomendada pelo Grupo Meio Norte de Comunicação, revela que Lula tem 65,17% das intenções de voto estimuladas para a Presidência da República no Piauí.
 
O segundo colocado, o deputado federal Jair Bolsonaro (PSL), tem 9,06% das intenções de estimuladas; seguido da ex-ministra Marina Silva (Rede), com 5,72%; do ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 3,43%; do governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), com 3,25%; do deputado federal Álvaro Dias (PV), com 1,32%; o senador e ex-presidente Fernando Collor de Mello (PTC), com 0,88% e; Manuela D´Ávila, com 0,35%.
 
Os eleitores que não quiseram ou não souberam opinar somam 5,45% e os que querem votar nulo ou em branco são 5,36%.
 
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva lidera pesquisa de intenções de voto espontânea no Piauí com 46,79%. Nessa pesquisa, os entrevistadores não apresentam ou estimulam nomes de candidatos para a escolha dos eleitores. Lula vem seguido de Jair Bolsonaro, que tem 5,72% das intenções de voto espontânea, e Ciro Gomes, que tem 1,23%.
 
Marina Silva tem 0,88% das intenções de voto espontâneas; Geraldo Alckmin detém 0,79%; Álvaro Dias, 0,44%; Fernando Collor de Melo, 0,18%; o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT), 0,09%; o presidente Michel Temer (MDB), 0,18%; o prefeito de São Paulo, João Dória (PSDB), com 0,26% ; a ex-presidente Dilma Roussef, com 0,79%; o senador Aécio Neves (PSDB-MG), com 0,18%; o senador Cristóvam Buarque (PPS-DF), 0,18%; o deputado estadual Robert Rios (PDT), 0,09% e; o deputado federal Tiririca (PR-SP), 0,09%.
 
A pesquisa foi realizada entre os dias 26 a 30 de janeiro deste ano, registrada, com o número BR-07913/2018, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em 47 municípios do Piauí.
 
Fonte: Jornal Meio Norte

20 / 02 / 2018 - as 19:38

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-PI) encaminhou ofício a 140 dos 224 municípios piauienses alertando os gestores sobre os gastos com pessoal e sobre as penalidades a que estão sujeitos aqueles que extrapolarem os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). O Governo do Estado também foi alertado, via ofício, para adotar providências no sentido de reduzir despesas com pessoal para adequar os gastos aos limites da LRF. 
 
Entre os municípios que receberam o alerta estão a capital Teresina, que aplicou 49,21% de sua receita corrente líquida com pagamento de pessoal, Piripiri (54,78%) e Picos (52,49). O alerta é feito com base em informações do Relatório de Gestão Fiscal (RGF) do 2º quadrimestre/1° semestre do ano passado. 

De acordo com o documento, elaborado pela Dfam (Diretoria de Fiscalização da Administração Municipal), há municípios que gastaram no período mais de 70% da receita corrente líquida com o pagamento de pessoal. É o caso de Luís Correia (72,72%), Murici dos Portelas (71,87%) e de Nossa Senhora dos Remédios (71,95%). 

O ofício encaminhado aos municípios, que é assinado pelo presidente do TCE-PI, conselheiro Olavo Rebelo, orienta os municípios a adotarem medidas para reduzir os gastos com pessoal e alerta que a LRF prevê diversas penalidades para os gestores que extrapolam os limites de gastos com pessoal – entre elas estão o impedimento de receber transferências voluntárias e de contratar com o poder público, pagamento de multa e até cassação do mandato.

Fonte:cidadeverde.com

 


17 / 02 / 2018 - as 12:20

Os 29 quilômetros de asfalto da estrada que liga Coivaras a Campo Maior começam a ser construídos após o período chuvoso. O Departamento de Estradas e Rodagens, (DER-PI), já concluiu a licitação que escolheu a empresa responsável pela obra. A Hidros será a construtora da estrada.
 
O asfaltamento da estrada é uma obra projetada ainda em 2017 pelo Governo do Estado a pedido do prefeito Professor Ribinha, pelo deputado Aluísio Martins e pelo ex-prefeito Paulo Martins e está orçada em mais de R$ 11 milhões.
 
A pavimentação dessa estrada é importante porque interliga várias cidades da região como Campo Maior, Coivaras, Alto Longá, Novo Santo Antônio, Beneditinos e São João da Serra, além de melhorar o acesso a comunidades como Pau Arrastado, Salinas, Boqueirãozinho e São Luís.
 
“Fico feliz em ver que o asfaltamento da estrada de Coivaras está cada vez mais próximo da realidade. O Governo do Estado cumpriu com o compromisso e agora fará a alegria de toda essa região”, comemorou o prefeito Ribinha.
 
Fonte: PMCM

05 / 02 / 2018 - as 11:08

A Conselheira Lilian de Almeida Veloso Nunes Martins, determinou a suspensão do processo seletivo para contratação temporária de Professores para cadastro de reserva da rede municipal de ensino do Município de Santa Rosa do Piauí. 

A relatora Lilian Martins, explicou no relatório que o edital apresenta irregularidades que comprometem a regular participação e avaliação de qualificação dos candidatos. Entre as irregularidade apontadas estão que o edital não prevê isenção da taxa de inscrição, apresenta como necessário apenas a análise curricular para fins de seleção, veda a inscrição por via postal para entrega de títulos e outras cláusulas editalícias não cumpridas.

A medida determina que o processo seletivo regido pelo Edital n°01/2017 seja suspenso até que o gestor regulamente a contratação através de lei e adote as providências adequadas para eliminar as irregularidades relatadas. 

O prefeito do Município de Santa Rosa do Piauí, Veríssimo da Silva, foi notificado da decisão para tomar as providências de suspensão do processo seletivo, que deverão ser comprovadas em até cinco dias depois do recebimento da notificação. A partir disso, o gestor poderá adotar providências para sanar as irregularidades ou apresentar defesa. 

Fonte: TCE-PI


05 / 02 / 2018 - as 09:58

O Congresso Nacional retoma as atividades nesta segunda-feira (5), com a votação da reforma da Previdência no centro dos debates. Ainda sem consenso entre os parlamentares, a Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 287/2016 é tratada como tema prioritário do ano pelo presidente da República, Michel Temer.

Na Câmara dos Deputados, a matéria está prevista para ser lida em plenário ainda nesta segunda-feira. Segundo o ministro da Secretaria de Governo da Presidência da República, Carlos Marun, outro texto deve ser apresentado pelo relator da matéria, deputado Arthur Maia (PPS-BA). Em uma tentativa de aprovar a PEC, o parlamentar tem reunido novas contribuições ao texto de setores da sociedade ainda descontentes com a proposta.

Apesar dos esforços do Planalto, a votação marcada para o dia 19 deste mês, pode não acontecer nessa data. A pauta de apreciações do plenário é atribuição do presidente da Câmara, deputado Rodrigo Maia (DEM-RJ), que tem afirmado que somente colocará o tema em pauta quando tiver garantia dos votos necessários para aprovação. Segundo o ministro Carlos Marun ainda faltam entre 40 e 50 votos para alcançar os 308 votos favoráveis necessários, em dois turnos, para aprovação da proposta na Câmara. Para entrar em vigor, a medida também deve ser apreciada em dois turnos pelo Senado.

Fonte: Agência Brasil


30 / 01 / 2018 - as 09:20

Uma abordagem da Polícia Civil de Campo Maior e da Polícia Rodoviária Federal flagrou um homem com 33,5 Kg de maconha no posto da PRF, na BR 343, em Campo Maior, na madrugada desta terça-feira (30). Victor Fernando de Oliveira, 21 anos, foi preso e encaminhado a Delegacia. 
 
Os policiais pararam o ônibus da empresa Satélite Norte que seguia de Sinop-MT para Fortaleza. Dois cães foram utilizados para farejar o bagageiro do veículo.  “Os cães farejadores de drogas Titan e Jack acusaram a presença de drogas numa das malas onde foram encontrados 32 tabletes de maconha prensada com peso aproximado de 33,5 kg”, informou a Polícia Civil. 
 
Na averiguação, os policias descobriram que a bagagem pertencia a Victor Fernando. Ele confessou ser o proprietário da mala, mas alegou receberia o R$ 1.000 pelo transporte do produto. “Informou que pegou o entorpecente na cidade de Campo Grande-MS e levaria até Fortaleza-CE e que receberia pelo transporte a quantia de R$ 1.500,00", disse à polícia.
 
 
2ª prisão
Essa foi a segunda prisão em menos de 24h no posto da PRF em Campo Maior. Na segunda-feira (29), uma barreira prendeu o foragido da Penitenciária Major Cesar Jordan Nathaniel Sampaio Melo. Ele é acusado de homicídio e vários roubos em Parnaíba. 
 
Repórter Otávio Neto

25 / 01 / 2018 - as 08:02

Por unanimidade, os três desembargadores da 8ª Turma do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) votaram nesta quarta-feira (24) em favor de manter a condenação e ampliar a pena de prisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso do triplex em Guarujá (SP).

Votaram no julgamento, que durou 8 horas e 15 minutos (além de uma hora de intervalo) o relator do processo, João Pedro Gebran Neto, o revisor, Leandro Paulsen e o desembargador Victor dos Santos Laus.

Votaram no julgamento, que durou 8 horas e 15 minutos (além de uma hora de intervalo) o relator do processo, João Pedro Gebran Neto, o revisor, Leandro Paulsen e o desembargador Victor dos Santos Laus.

Em julgamento na sede do tribunal, em Porto Alegre, os desembargadores se manifestaram em relação ao recurso apresentado pela defesa de Lula contra a condenação a 9 anos e 6 meses de prisãodeterminada pelo juiz federal Sérgio Moro, relator da Operação Lava Jato na primeira instância, em Curitiba. Lula se diz inocente.

Os três desembargadores decidiram ampliar a pena para 12 anos e 1 mês de prisão, com início em regime fechado. O cumprimento da pena se inicia após o esgotamento de recursos no âmbito do próprio TRF-4.

Como a decisão foi unânime, o único recurso disponível para a defesa no TRF-4 são os chamados embargos de declaração, que não têm poder de reverter a condenação, mas somente esclarecer ambiguidades, pontos obscuros, contradições ou omissões no acórdão (documento que oficializa a decisão).

A defesa, no entanto, ainda poderá tentar inocentar Lula nas instâncias superiores (Superior Tribunal de Justiça e Supremo Tribunal Federal). Mas, após o julgamento dos embargos no TRF-4, poderá ser expedida ordem de execução de sentença. Nesse caso, ao recorrer ao STJ e depois ao STF, Lula já poderá estar preso.

Fonte: G1



PUBLICIDADE