24 / 08 / 2018 - as 08:56

O candidato a Governador do Estado do Piauí, Luciano Nunes (PSDB) foi o entrevistado nesta sexta-feira (24), do Jornal Regional 1ª edição, da rádio Meio Norte de Campo Maior. A entrevista é a primeira de uma série que vai acontecer na emissora, com todos os candidatos que disputam uma vaga nas eleições de outubro.

Luciano Nunes falou sobre os projetos que serão prioridades em seu governo caso seja eleito. “Em nosso governo vamos priozar a educação, saúde e segurança. Na educação queremos investir em escolas integrais, valorizando o profissional do professor. Na segurança queremos que os piauienses voltem a sentir segurança ao andar nas ruas, e na saúde queremos equipar com toda estrutura  os hospitais regionais para que as pessoas não precisem se deslocar para Teresina em busca de atendimento médico”, ressaltou.

O candidato estava acompanhado de várias lideranças políticas, entre eles, o vereador e candidato a Deputado Federal, Daniel Soares, Robert Rios, Marden Menezes, entre outros.

Após a entrevista, Luciano Nunes, cumpriu sua agenda, como andar pelo centro comercial de Campo Maior, e em seguinda viagem para Altos e Teresina.

Redação Portal Fato

 


22 / 08 / 2018 - as 12:23

Teresina PI - O deputado Federal e candidato à reeleição capitão Fábio Abreu (PR) durante seu mandato destinou importantes recursos para o aprimoramento dos serviços oferecidos à população de Teresina, seja nas áreas da saúde, segurança pública, cultura ou mesmo esporte. Tais recursos se contabilizado chegam a R$ 18,9 milhões em investimentos para os teresinenses. Por conta disso, Fábio Abreu lança sua candidatura nesta quarta-feira, dia 22, às 19:00h, na casa de eventos Kangaço, zona leste da capital, com a presença do governador do Estado, Wellington Dias.  
 
 
Para o Portal Visão Piauí Fábio Abreu disse "Sempre trabalhamos pensando em áreas prioritárias da cidade de Teresina. Vamos lançar nossa candidatura na capital, onde na nossa primeira eleição fomos bem votados porque as pessoas sempre acreditaram em nosso trabalho", comentou Fábio Abreu. Ele lembra que somente para a área da saúde foram destinadas em emendas de sua autoria aproximadamente R$ 8,3 milhões para a compra de equipamentos hospitalares, como aparelhos de ultrassom e hemodiálise, bem como para o custeio das Unidades Básicas de Saúde (UBS). 
 
 
Umas das grandes prioridades do mandato do deputado Fábio Abreu tem sido a destinação de recursos para a modernização das forças de segurança pública. Uma prova disso é que, ao longo dos quatros anos de mandato, foram investidos R$ 6,9 milhões para reforma do Batalhão do Rone, compra de 31 motos para ROCAM (Rondas Ostensivas com Motocicletas), além de 12 viaturas Renegade e a reforma do Instituto de Identificação, localizado na Praça Saraiva centro da capital.  
 
 
"Necessitamos promover condições para que a população dos mais diversos municípios possam ter acesso à serviços de qualidade, pois esse é um direito de todos os cidadãos.  Nesse sentido, sempre venho ouvindo as necessidades do nosso povo para que possamos trabalhar em buscar de investimentos para nossa sociedade.  Conto com o apoio dos piauienses para que juntos possamos construir um Piauí cada vez melhor", finalizou Fábio Abreu ao Portal Visão Piauí.      
 
 
O deputado, candidato à reeleição, sempre foi um incentivador das práticas esportivas e destinou emendas na ordem de R$ 1,4 milhões para a construção do Ginásio Emanoel Evangelista e reforma do Campos Sintéticos dos bairros Morada do Sol, Saci e Vila Operária. Além disso, foram destinados R$ 100 mil para o Instituto Cultural Santa Rita, R$ 1,1 milhões para a compra de tratores agrícolas e R$ 900 mil para a reforma da Orla Avenida das Hortas.
 
 
Aguarde mais informações sobre o lançamento da candidatura de Fábio Abreu a deputado Federal pelo PR-PI com número 2222. 

21 / 08 / 2018 - as 21:52

O ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), autorizou nesta terça-feira (21) a Polícia Federal a cruzar informações de dois inquéritos em que o presidente Michel Temer está entre os investigados.

Um dos inquéritos foi aberto para apurar o chamado decreto dos portos. A suspeita é a de que Temer tenha editado o decreto para beneficiar empresas específicas do setor, o que o presidente nega.

Em outro inquérito, é investigado o repasse de R$ 10 de milhões pela Odebrecht ao MDB, num jantar no Palácio do Jaburu, residência oficial de Temer.

Agora, com a decisão de Barroso, depoimentos, indícios e documentos sobre o caso dos portos também poderão ser avaliados na investigação sobre os repasses da Odebrecht.

"Como se sabe, a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal admite que elementos informativos de investigação criminal ou provas colhidas no bojo de instrução penal, ainda que sigilosos, possam ser compartilhados para fins de instruir outro processo criminal", decidiu o ministro, citando que o entendimento consolidado do STF permite que provas coletadas numa investigação sejam utilizadas em outro inquérito.

O prazo para a PF concluir as investigações no caso dos portos termina no começo de setembro - foram autorizadas até o momento três prorrogações.

O inquérito foi aberto no ano passado a partir de depoimentos em delação premiada de executivos do grupo J&F e apura se um decreto editado por Temer tinha por objetivo beneficar empresas que atuam no porto de Santos (SP), o maior do país. O presidente nega que o decreto tivesse essa finalidade.

Já o inquérito sobre repasses da Odebrecht deve ser concluído até o começo de outubro.

O caso se refere a um jantar no Palácio do Jaburu em maio de 2014, em que se teria acertado o repasse ilícito de R$ 10 milhões ao MDB. De acordo os delatores da Odebrecht, teriam participado da reunião Eliseu Padilha, o então presidente da empreiteira Marcelo Odebrecht, o ex-executivo Cláudio Melo Filho, e o então vice-presidente Michel Temer.

De acordo com o depoimento de Cláudio Melo Filho ao Ministério Público Federal (MPF), no encontro, Temer pediu "direta e pessoalmente" a Marcelo Odebrecht apoio financeiro para as campanhas do MDB em 2014. Todos negam as suspeitas.

Fonte: G1

 


17 / 08 / 2018 - as 13:35

Boa Hora PI - O deputado federal Fábio Abreu  destinou emendas parlamentares para o município de Boa Hora PI e assim mais uma conquista realizada para a populaçao daquele município. No município de Boa Hora, iniciou-se a pavimentação de ruas levando assim mais qualidade de vida para as pessoas daquela região.
 

16 / 08 / 2018 - as 09:46

Mais de 23 mil candidatos a presidente, governador, senador e deputado federal, estadual e distrital vão disputar os votos de 147,3 milhões de eleitores brasileiros, segundo dados disponíveis no portal do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Encerrado o prazo para registrar as candidaturas, 13 nomes se apresentaram para disputar o Palácio do Planalto em outubro.

Para governador, segundo a última atualização do Sistema de Divulgação de Candidaturas e de Prestação de Contas, 171 candidatos pediram registro. Desses, 17 disputam a reeleição. O PSOL foi o partido que lançou o maior número de candidatos a governador, seguido do PSTU e do PT.

O TSE contabiliza até agora 6.982 candidatos para disputar as 513 vagas de deputado federal. Para deputado estadual e distrital, são 15.605 concorrentes a 1.059 vagas nas assembleias legislativas e na Câmara Legislativa do Distrito Federal. Mais 295 concorrem a 54 cadeiras no Senado.

Considerando o total de 23.812 candidatos a todos os cargos em disputa nas eleições de outubro, o PSL foi o partido que apresentou o maior número de concorrentes (1.259), seguido do PSOL (1.201), do PT (1.075) e do MDB (1.009). Desse contingente, 30,6% são mulheres, cumprindo a meta prevista na legislação.

Quase a metade dos candidatos têm ensino superior e 55% são casados. A maioria tem entre 35 e 59 anos de idade, mas há 50 candidatos na faixa de 80 a 84 anos.

O total de candidatos em 2018 é menor que o registrado em 2014 (26.162). Os dados podem sofrer ajustes conforme a Justiça Eleitoral vá julgando os pedidos de registro.

Fonte: Agência Brasil

 


15 / 08 / 2018 - as 08:37

 
Umas das principais bandeiras defendidas pelo deputado federal Fábio Abreu (PR) em seu mandato foi a destinação de recursos para qualificação dos serviços oferecidos à população. Assim, Fábio Abreu ao longo da sua atuação, destinou emendas para 111 municípios piauienses.      
 
Neste cenário, foram investidos aproximadamente R$ 37 milhões na área da saúde. Tais recursos foram primordiais para a estruturação da atenção básica, reformas, custeio da saúde e compra de equipamentos hospitalares.
Para Fábio Abreu, investimentos em saúde são fundamentais para que sejam aprimorados os serviços e estrutura dos hospitais para realização de procedimentos. "Quando fui eleito deputado, minha primeira emenda foi destinada para a área da saúde, pois, um dia, meu pai precisou de atendimento especializado e não tínhamos equipamentos adequados. Desde então, sempre venho disponibilizando recursos para que a população do nosso Estado possa ter acesso a melhores serviços hospitalares." 
 
Entre 2015 e 2018, Fábio Abreu destinou também mais de R$ 11 milhões para a segurança pública para aquisição de equipamentos para o Hospital da Polícia Militar, em Teresina; aquisição de viaturas e motos, reformas do Rone e do Instituto de Identificação da Praça Saraiva, na capital piauiense, além de recursos para o sistema de videomonitoramento de José de Freitas.
 
"Outra área prioritária da nossa gestão é a segurança pública. Por isso, trabalhamos em busca de recursos que possibilitassem a modernização das forças de segurança, bem como melhores condições os profissionais da área de policiamento ostensivo em nosso Estado", concluiu o parlamentar.
 
 

13 / 08 / 2018 - as 11:15

O deputado federal Fabio Abreu do ( PR- PI) Participou de um encontro com lideranças de Monte Alegre, Riacho Frio, São Gonçalo e Barreiras, no último sábado (11), em Gilbués – Piauí – extremo sul do Piauí.
 
Barras PI – O deputado federal Fabio Abreu do ( PR- PI)Participou de um encontro com lideranças de Monte Alegre, Riacho Frio, São Gonçalo e Barreiras, no último sábado (11), em Gilbués – Piauí – extremo sul do Piauí. A presença da população foi de extrema importância para o debate de assuntos relevantes para região.
 
Para o deputado federal Fábio Abreu ao portal Visão Piauí “Seguimos juntos em busca de melhorias para essas regiões, na qual destinei uma emenda no valor de R$ 281 mi”l. Na oportunidade, Fabio Abreu ainda teve a satisfação de participar de uma grande festa religiosa em comemoração aos festejos da padroeira de Gilbués Piauí.
 
 
 
 
Fonte Portal Diario do Sambito
 

06 / 08 / 2018 - as 11:10

O deputado federal Fábio Abreu (PR) continua liderando as pesquisas de intenção de votos para a Câmara Federal. Reafirmado como candidato à reeleição na convenção estadual da sigla na semana passada, o parlamentar aparece, mais uma vez, na primeira colocação na pesquisa divulgada nesta segunda-feira, dia 06, do Instituto Amostragem, encomendada pelo Sistema Meio Norte de Comunicação, realizada nos dias 20 a 23 de julho. 
 
Conforme a pesquisa, o deputado federal e ex-secretário estadual de Segurança, Fábio Abreu, lidera com 1,50% das intenções de voto espontâneas. “Os números evidenciam a avaliação das pessoas ao nosso trabalho. Isso também nos permite uma maior confiança para seguirmos trabalhando em busca de melhorias para o nosso Estado, não somente na área da segurança, mas saúde também, onde tivemos uma forte atuação com destinação de emendas para custeio. O nosso como deputado, mesmo licenciado, apenas somou com o trabalho na gestão da Segurança Pública. Conseguimos destinar emendas para áreas estratégicas para mais de 140 cidades do Piauí”, avaliou Fábio Abreu. 
 
A pesquisa Amostragem ouviu 1.137 eleitores, distribuídos em todas 15 microrregiões do Piauí e foi registrada com o número PI- 02066/2018, no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), no dia 26 de julho de 2018.


PUBLICIDADE