16 / 11 / 2016 - as 10:55

O edital de licitação para a construção da Barragem de Castelo do Piauí, no rio Poti, será lançado no fim deste mês e a expectativa é que as obras se iniciem até fevereiro de 2017. O reservatório será o 2º maior do Piauí, com capacidade de armazenar 2,6 bilhões de metros cúbicos de água, ficando atrás apenas da Boa Esperança, em Guadalupe.

"A obra está orçada em mais de R$ 370 milhões e a previsão é que seja iniciada no fim de janeiro ou início de fevereiro", disse o diretor interino do Idepi, Juraci Santana. Até o momento, cinco empresas se inscreveram para concorrer à licitação.

Com a construção da barragem, vários sítios arqueológicos e pinturas rupestres na região ficarão submersos. Sobre esse aspecto, Juraci Santana, disse que será realizado um estudo de impacto ambiental.

"Estamos na fase de planejamento do termo de referência para elaboração do edital que irá levar a licitar esse estudo de impacto ambiental. Evidentemente que a obra só vai iniciar com a regularização das licenças, com autorização dos órgãos de controle ambiental", enfatiza Santana.

A barragem vai beneficiar mais de meio milhão de habitantes, nas cidades de Castelo do Piauí, Juazeiro do Piauí, São João da Serra, Alto Longá, Prata do Piauí, Beneditinos, Buriti dos Montes, São Miguel do Tapuio, Novo Santo Antônio, Demerval Lobão e Teresina.

Além de abastecer as cidades via adutoras, as águas da Barragem de Castelo serão utilizadas para geração de energia e implantação de projetos de piscicultura e agricultura irrigada. Outro objetivo da barragem é a contenção das enchentes em Teresina.

Fonte: Cidade Verde


16 / 11 / 2016 - as 10:22

José Elismar, Vulgo "Obama"

A Polícia Militar de Castelo do Piauí conduziu para a delegacia da cidade um homem suspeito de ter estuprado a própria filha de 8 anos de idade. A guarnição foi acionada pela própria mãe da menina, que teria pego o suspeito em flagrante enquanto mostrava vídeos pornográficos à criança e tocava suas partes íntimas. Ele deu entrada no 2º Distrito Policial de Castelo por volta das 23 horas da noite de ontem (15) com sinais de embriaguez. A informação é do delegado Renato Pinheiro.

Ao falar ao PortalODia.com, o delegado disse que é preciso cautela para apurar um caso como este, que ele classificou como extremamente delicado, e afirmou que prefere se abster de passar detalhes até que todos os relatos tenham sido colhidos e todas as provas materiais tenham sido coletadas. O objetivo, de acordo com ele, é não causar nenhum trauma à criança além do que ela possa já ter sofrido.

"Nós temos uma criança, uma mãe e um pai que está sendo acusado, então é uma situação muito complicada e que exige da polícia extrema cautela. Relatos nós temos, mas precisamos ouvir formalmente todos os envolvidos, precisamos, antes de tudo, dar materialidade para o caso. Somente as provas materiais é que vão dar condições de dizer o que de fato aconteceu para podermos ir adiante no processo e ter mais informações", explica o delegado, acrescentando que o caso exige um cuidado maior da polícia pelo fato de "causar um clamor social muito grande em uma cidade que já tem um histórico". Vale lembrar que foi em Castelo do Piauí que quatro adolescentes foram brutalmente agredidas e estupradas em maio do ano passado, num caso que ganhou repercussão nacional e levantou debates intensos sobre a questão da redução da maioridade penal e da violência contra a mulher.

Sobre colher provas materiais, a polícia já pediu a realização de um exame de corpo de delito na criança, para atestar ou não se houve realmente a conjunção carnal que caracterize o crime de estupro. Enquanto o processo corre, o delegado Renato Pinheiro colherá os depoimentos e o suspeito deve permanecer recolhido à delegacia.

Portal: O Dia


08 / 11 / 2016 - as 12:01

Ladrões furtaram duas motos no fim da tarde desta segunda-feira (07), no Centro de Castelo do Piauí. Desta vez, foram levadas uma pop 100 e uma HONDA FAN 125, que estavam estacionadas próxima a loja do Boticário cerca de 50 metros da Delegacia de Policia de Castelo do Piauí.

De acordo com informações, um homem que ainda não foi identificado, conduzia a moto HONDA FAN abasteceu a motocicleta em um posto de combustível da cidade e a moto não pegou mais e fez com que o abandonasse no local. A segunda moto (POP 100) foi encontrada Logo em seguida em frente ao Armazém Paraíba.

A polícia foi acionada e está investigando o caso no intuito de prender os envolvidos e evitar que outros casos aconteçam na cidade.

Fonte: Mais Castelo


31 / 10 / 2016 - as 19:39

No domingo, dia 30 de outubro, um corpo foi encontrado às margens do rio Cais, na altura do bairro Mutirão, no município de Castelo do Piauí, a cerca de 185 km de Teresina. A vítima foi identificada como João da Cruz Silva Vieira, de 34 anos, mais conhecido por Mano. 

De acordo com informações repassadas por populares à Polícia Militar, uma jovem, cujo nome não foi divulgado, banhava no local quando, de repente, se  deparou com o corpo. Desesperada, correu para pedir ajuda e relatou o ocorrido para demais pessoas que estavam próximo. 

O delegado Renato Pinheiro, da Polícia Civil, descartou a possibilidade de homicídio e afirmou acreditar em fatalidade. "Fomos até o local e a princípio não constatamos nenhuma lesão que constatasse homicídio, nossa linha de investigação será de morte acidental". afirmou. 

O corpo foi removido por uma equipe do Instituto Médico Legal (IML), onde deve passar por exames que vão apontar o que, de fato, aconteceu.

Fonte: Meio Norte


29 / 10 / 2016 - as 01:39

Este final de semana será de muita festa no município de Castelo do Piauí, localizado a 190 km de Teresina. Iniciou na última sexta-feira (28), o Cachaça Fest, um dos festivais de destaque no estado e que chega à sua décima segunda edição. Entre as atrações musicais estão as bandas Scalene, vencedora da última edição do Superstar, da Rede Globo, e Sambô.

Na sexta-feira, as bandas Scalene e Double Deck abriram os shows na Praça Aluísio Lima em Castelo, de acordo com as testemunhas mais o que chamou atenção foi as poucas pessoas que prestigiaram a 1ª noite da festa.

Segundo populares o acesso ao município através da PI – 115 foi um dos principais fatores que desanimaram turistas da região.

Há exata uma semana atrás noticiamos reinvindicações de moradores ao longo da PI que ligaram para a Rádio Meio Norte – Campo Maior, no qual reclamavam de buracos na estrada que liga Campo Maior a Castelo do Piauí.

Por: Romário Valle


28 / 10 / 2016 - as 17:06

Uma dose completa de agronegócios, artesanato, cultura e turismo. Assim é o Cachaça Fest, evento que acontece entre os dias 28 e 30 de outubro, em Castelo do Piauí. Os principais shows do festival serão comandados pelas bandas Scalene, Sambô e Fulô de Mandacaru.

Desde 2005 a Prefeitura Municipal de Castelo do Piauí em parceria com o Sebrae Piauí promovem a festa, que mais do divulgar as potencialidades da região – a produção de aguardentes – reúne oportunidades de agronegócio e ecoturismo. Durante os três dias de evento, a expectativa é de que circulem pelo município cerca de 40 mil pessoas.

O prefeito de Castelo do Piauí, Dr. Zé Maia (PSD) comemora a realização do XII Cachaça Fest. “É um evento tradicional em nosso município, que faz parte do calendário de festas do estado do Piauí. É uma oportunidade de mostrar o que Castelo tem de melhor. Temos um potencial turístico a ser desbravado e a ouvinocaprinocultura tem demonstrado outra grande oportunidade de negócios na nossa região”, explica.

Os shows acontecem durante as três noites de evento, a partir das 21h, na Praça Aluísio Lima, Centro da cidade, e além de atrações nacionais e locais, conta com uma praça de alimentação e uma feira de artesanato. Os principais produtores de cachaça do Piauí também se farão presentes, expondo e comercializando seus produtos.

O Cachaça Fest, em outras edições, já contou com diversos artistas de renome nacional, como: Elba Ramalho, Fagner, Jorge Aragão, Biquíni Cavadão, Nando Reis, Fala mansa, Sandra de Sá, Emílio Santiago, Armandinho, Marcelo Bonfá, Dorgival Dantas, Cidade Negra, dentre outros.

O município de Castelo do Piauí está localizado a 190 km de Teresina possui uma diversidade de atrativos turísticos, que estarão disponíveis para visitação. É possível se encantar com diversos pontos como a Pedra do Castelo, Cachoeira das Arraias, Cânion do Rio Poty, visita à fábrica da Cachaça Mangueira, Igreja de Nossa Senhora do Desterro, Picos dos Andrés, dentre outros.

Além da Prefeitura Municipal de Castelo do Piauí e do Sebrae Piauí, o Governo do Estado do Piauí também apoia o XII Cachaça Fest.

Programação de shows – XII Cachaça Fest:

28 de outubro (sexta-feira)

- Double Deck

- Ed Cardoso e os Pernambutecos

- Scalene

29 de outubro (sábado)

- Fulô de Mandacaru

- Sambô

30 de outubro (domingo)

- Fábio & Claudia

- Frank & Eduardo

 - DJ Jota

Fonte: Mais Castelo


30 / 09 / 2016 - as 13:32

A equipe de investigação da polícia civil de Castelo do Piauí, com apoio da polícia Militar, liderada pelo delegado Renato Pinheiro prendeu em flagrante o nacional Alberto Alves Martins vulgo "betão" por tentativa de homicídio e disparo de arma de fogo em via pública.
As testemunhas reconheceram "betão" pela motocicleta, pela vestimenta do acusado e pelo capacete.
Os disparos foram feitos próximo à residência do prefeito e na direção de um segurança do prefeito e num veículo de correligionarios políticos.
 
Redação Fato

28 / 09 / 2016 - as 08:33

A Polícia Civil de Castelo do Piauí indiciou o candidato a prefeito Marcelo Vidal Martins vulgo Marcelo Maia pelo crime de estelionato contra idosos. Art. 171 § 4 do CP.
Após investigação presidida pelo delegado Renato Pinheiro concluiu-se que "Marcelo Maia" realizou uma fraude em um processo judicial que tramitava na Comarca de Castelo do Piauí gerando um prejuízo de R$ 24.900,00 (Vinte e quatro mil e novecentos reais) a uma idosa Francisca das Chagas Vasconcelos de 82 (oitenta e dois ano).
Maia utilizou-se de um ardil para ludibriar a vítima afirmando que havia sido descontado uma taxa do Tribunal, tributo esse inexistente.
A situação chegou ao conhecimento da polícia através de registro de ocorrência realizado pela filha da vítima Luzia de Vasconcelos Aragão.
O inquérito foi relatado e enviado para Justiça.
 
 
Redação Fato


PUBLICIDADE