01 / 12 / 2016 - as 13:19

Wenesjones Alankardênio Araújo foi preso na cidade de Piripiri (157 km de Teresina), suspeito de estuprar duas mulheres que saíam de uma festa na noite do último sábado (26). O delegado Hugo Alcântara ouviu as vítimas e o suspeito e disse que o rapaz demonstrou frieza. Ele está preso na penitenciária de Esperantina. 

Segundo relato das vítimas ao delegado, o homem as abordou quando elas deixavam uma festa. As duas seguiam em uma motocicleta por uma rua escura quando Wenesjones teria saído da mata, por trás de um outdoor, e abordado as vítimas com uma arma de fogo de fabricação caseira. 

"Inicialmente as moças achavam que era um assalto e ofereceram a moto e os celulares, mas ele disse que queria só uma carona. Ele subiu na moto e foi o tempo todo coagindo e ameaçando elas. Elas contaram que eles deram muitas voltas, até chegar em um açude, onde o estupro ocorreu", contou. 

O local foi o Açude Anajás. Segundo as jovens, Wenesjones ordenou que as duas tirassem as roupas e praticassem sexo oral nele. Além disso, tocou o corpo das vítimas. 

"Elas ficaram lá por um tempo considerável, segundo o relato, por cerca de 30 minutos. Todo o tempo ele estava obrigando as duas a praticarem sexo oral nele. E quando reli o depoimento delas a ele, a reação dele foi muito estranha, como de quem estava relembrando o que havia acontecido, demonstrando frieza", disse. 

Após os abusos, o homem fez com que as duas o conduzissem até sua residência. Lá, novamente foram vítimas de violência sexual. Ao fim do estupro, o suspeito pegou os celulares das jovens e fugiu. 

As vítimas registraram boletim de ocorrência e o homem foi preso após diversas investidas da polícia, porque ele tentou fugir do flagrante. Wenesjones foi preso em casa e a arma do crime foi apreendida. 

Ele negou os abusos inicialmente, relatando que teria apenas pedido uma carona. Ao fim, contudo, confessou ter pedido para que as moças tirassem as roupas. As vítimas informaram que o homem parecia estar sob efeito de drogas e ele confirmou ter feito uso de maconha. 

Wenesjones tem passagem pela polícia apenas por uso de entorpecentes. Ele foi autuado em flagrante por roubo e estupro e está preso na penitenciária de Esperantina. O delegado Jorge Terceiro, titular de Piripiri, está responsável pelo inquérito. 

Fonte: Meio Norte


01 / 12 / 2016 - as 10:48

Uma ossada humana foi encontrada por crianças nesta terça-feira (29) em um matagal, próximo uma fazenda no bairro Anajás, no município de Piripiri.

Segundo o site Piripiri Repórter, as crianças estavam caçando pássaros quando avistaram a ossada.

“Na mata houve queimadas, o que pode ter acelerado o processo de decomposição do corpo, sobrando apenas a ossada”, disse o site.

A versão foi confirmada por populares que estiveram no local. Não há ainda informações de desaparecimento de nenhum morador no município e nem nas cidades mais próximas.

Com informações Piripiri Repórter


28 / 10 / 2016 - as 11:15

OTribunal de Contas do Estado (TCE) ratificou nesta quinta-feira (27) duas medidas cautelares que bloqueiam as contas das prefeituras de Piripiri e Caracol devido a atraso de salário de servidores e irregularidades realizadas em fim do mandato.

O prefeito eleito de Piripiri, Luiz Meneses, denunciou ao Tribunal de Contas o atraso no salário de servidores e prestadores de serviços do município há mais de três meses.

A denúncia inclui ainda de que o limite de gastos com pessoal estava extrapolado, que houve a realização de concurso para 229 cargos efetivos criados no período da vedação, além de irregularidades e inadimplência junto à previdência social. Luiz Menezes reclamou ainda que a negativa de fornecimento de dados à equipe de transição do prefeito Eleito.

A defesa do atual prefeito, Odival José de Andrade, afirmou que os salários dos servidores das áreas de Educação e Saúde de Piripiri não estão atrasados, resultando no bloqueio parcial das contas da prefeitura.

“Os recursos da área da Educação e Saúde não serão bloqueados, mas os demais recursos do município só serão desbloqueados à medida em que forem enviadas as folhas de pagamento dos servidores efetivos da Prefeitura”, determinou o relator do processo, conselheiro substituto Jaylson Campelo.

A denúncia contra o prefeito de Caracol, Nilson Fonseca Miranda, foi apresentada pelo candidato eleito Gilson Dias De Macedo Filho. Entre as irregularidades apontadas estão a realização de concurso público para preenchimento de 84 vagas para provimento efetivo e 74 vagas para cadastro de reserva; nomeação de concursados de 2014 considerando que o limite de gasto de pessoal está extrapolado, salários atrasados e não recolhimento do FGTS e dos encargos previdenciários.

O conselheiro substituto Delano Câmara acolheu a denúncia e em seu relatório afirmou que a situação de atraso de salário e não recolhimento de FGTS e INSS “se mostra totalmente incompatível com a realização do concurso público, vez que se o município não tem conseguindo honrar os salários pontualmente, não há respaldo para novo certame público”.

O plenário ratificou a medida cautelar que bloqueia as contas do município de Caracol e suspende o concurso.

“Com as decisões e discussões realizadas hoje estamos criando uma jurisprudência para casos semelhantes que surgirem no Tribunal sobre irregularidades cometidas no período de transição dos mandatos municipais”, afirmou o Conselheiro Olavo Rebelo.

Cidade Verde


25 / 10 / 2016 - as 11:25

O Professor e blogueiro Luciano Fernandes foi alvejado na porta de casa na Rua Quirino de Sousa Meneses, no Bairro Recreio, quando saía para trabalhar, nesta manhã, 25/10. Segundo informações foram vários disparos de revólver. Dois elementos  andavam numa moto pop de onde efetuaram os disparos e fugiram do local. 

A Polícia destacou que o crime ocorreu por volta de 6h:40min, quando ele saia de carro para trabalhar.

Uma equipe médica ainda tentou reanimá-lo, mas ele já estava morto dentro do seu veículo. A policia investiga o caso!

Luciano Fernandes assinava o blog Olhos de Águia e trazia sempre grandes revelações de Piripiri. Em seu perfil pessoal do facebook publicava "Meu repúdio de hoje vai para... " e concluía suas postagens com a frase: "Morro e não vejo tudo."

Fonte: Piripiri40Graus


23 / 02 / 2016 - as 15:57

A Delegacia Regional de Polícia Civil de Piripiri/PI, sob o comando do Delegado Regional Jorge Terceiro, deflagrou na madrugada de hoje a "OPERAÇAO DRACONTE", com o objetivo de dar cumprimento a mandados de prisão preventiva e buscas e apreensões domiciliares referentes a investigações realizadas pela Polícia Civil sobre indivíduos autores de crimes de roubo na Cidade de Piripiri/PI.

"Desde o fim do ano de 2015 que a Polícia Civil de Piripiri/PI vem investigando diversos indivíduos que praticavam roubos na Cidade, principalmente de veículos. Com o progresso das investigações foi possível representar perante o Judiciário pela prisão preventiva de 08 indivíduos, bem como por buscas e apreensões. Todos os mandados foram concedidos pelo Judiciário e cumpridos na manhã de hoje, a partir das 05h, por duas equipes da Polícia Civil com 100% de aproveitamento." Afirma o Delegado Jorge Terceiro, comandante da Operação.

No total foram nove pessoas detidas, sendo três adolescentes e seis adultos. Foram apreendidas armas de fogo artesanais e cartuchos de munição de revólver calibre 32, deflagrados e intactos. As ações das duas equipes de policiais civis ocorreram na cidade de Piripiri/PI e na zona rural nas imediações da estrada para Domingos Mourao/PI. Também foram apreendidos veículos utilizados na prática de assaltos.

"Em uma das buscas foi apreendido um adolescente que não era alvo da operação mas detinha a posse de uma arma de fogo." Afirmou um dos Agentes de Polícia que participou da operação.

O nome da operação, "DRACONTE", faz referência ao governante de mesmo nome que, no século VI a.c., governou a Cidade de Atenas e que ficou conhecido por sua legislação dura contra criminosos, visando manter a paz na região que, na época, passava por graves problemas sociais como revoltas e grande criminalidade, sendo que crimes contra o patrimônio, como furtos e roubos, chegaram a ser punidos com a morte.

veja fotos:


01 / 12 / 2015 - as 11:42

O teto da escola municipal Auri Castelo Branco desabou sobre duas pessoas em Piripiri, município a 157 km de Teresina. De acordo com o o tenente Rafael da Polícia Militar, a escola passa por reforma e os funcionários que trabalhavam no local ficaram feridos.

O desabamento ocorreu por volta das 14h30 e segundo a vizinhança do local o telhado já estava cedendo. Por não estar concluída, a obra ainda não havia sido inaugurada e não haviam estudantes na sala de aula. Outros alunos da escola, que ocupavam outras salas, foram liberados com o desabamento.

 Os dois funcionários da empresa foram socorridos no hospital de Piripiri, um com fratura no dedo e outro com corte na cabeça.

Em contato com a reportagem, o secretário de Educação, Rodrigo Amaral, afirmou que apesar da escola ser municipalizada, a obra é de responsabilidade de Governo do Estado.

Fonte: cidadeverde.com


28 / 04 / 2015 - as 09:38

O motorista identificado como Carlinhos acabou atropelando a própria mãe em um acidente de carro no último fim de semana em Piripiri. O acidente ocorreu no povoado Recanto, zona rural de Piripiri, há 43 km da zona Rural.

Maria Pereira C. Sena, de 73 anos, acabou atingida pelo filho enquanto ele tirava seu ônibus da garagem.

Amigos da vítima comentavam que ela costumava abrir o portão para o filho. Carlinhos iria colocar o ônibus na sombra mas acabou não vendo a mãe que estava atrás do veículo.

Maria Pereira chegou a ser socorrida e trazida pra Teresina, mas não resistiu. O sepultamento ocorreu no último domingo (26).

Fonte: cidadeverde.com

 


30 / 03 / 2015 - as 09:05

Um agente da Polícia Rodoviária de Federal, em Piripiri, ficou lesionado durante abordagem a um motociclista nas margens da BR-343, na manhã deste domingo (29). O condutor-que também não teve a identidade confirmada- teria fugido após ser flagrado trafegando em frente ao posto da PRF sem capacete e com o cano de descarga da moto adulterado.

Após ignorar a ordem de parada dos policiais, o motociclista seguiu pela rodovia e abandonou o veículo no acostamento, empreendendo fuga pelo matagal. Após perseguição, o homem foi capturado e, mesmo assim, ainda resistiu à prisão. No momento em que tentava algemar o suspeito, um dos PRFs caiu e há a suspeita de ter fraturado o braço.

Uma equipe do Ronda Cidadão foi acionada e conduziu o motoqueiro ao Complexo de Delegacias de Piripiri. O agente foi encaminhado ao Hospital Regional Chagas Rodrigues. 

Fonte: cidadeverde.com

 



PUBLICIDADE