29 / 07 / 2018 - as 10:50

Três adolescentes foram apreendidos acusados de roubar gado de uma fazenda na comunidade Tatu, zona Rural de Floriano, município a 244 km de Teresina. A prisão ocorreu quando policiais realizaram diligências na região e encontraram os menores em posse de dois animais subtraídos da propriedade.

O proprietário, conhecido como Chico de França, identificou os animais e os três adolescentes foram conduzidos para a Central de Flagrantes, onde passaram por procedimentos legais e em seguida foram liberados.

cidadeverde

 


29 / 07 / 2018 - as 10:17

Equipes da Polícia Militar e  Guarda Municipal do município de Caxias,  no Maranhão, deflagraram a ’Operação Duas Rodas' com o objetivo tirar de circulação veículos com documentos irregulares e recuperar veículos com registro de roubo.

Duranter sete dias, pelo menos três veículos com restrição de roubo foram apreendidos, além de 8 armas de fogo e oito pessoas detidas por porte ilegal de arma.

De acordo com o comandante do 2° Batalhão da Polícia Militar, Márcio Silva, mais de 30 policiais participaram da Operação que ocorre em ruas, avenidas e praças da cidade. Além disso, as barreiras foram feitas nos três períodos, manhã tarde e noite, e em diferentes locais.

Segundo o comandante, os pontos escolhidos foram estratégicos e as ações policiais ocorreram de forma simultânea. Um deles foi na BR-316, rodovia com bastante fluxo de veículos e que interliga Maranhão e Piauí.

Márcio Lima explica que essa rota é bastante usada por traficantes para o transporte ilegal de drogas. Por isso, segundo ele, a Operação também tem como objetivo apreender entorpecentes.

“Nós estamos aproveitando também as barreiras para que possamos fazer as abordagens a veículos e a suspeitos, entre elas, estamos na busca de drogas, armas de fogo, além de outros materiais ilícitos dentro da criminalidade”, afirmou.

meionorte


25 / 07 / 2018 - as 11:27

A Polícia Civil do Rio investiga a terceira morte supostamente causada por erros médicos durante procedimentos estéticos no estado no intervalo de oito dias. O primeiro caso foi o da bancária Lilian Calixto, de 46 anos, que morreu no dia 15, após procedimento realizado pelo médico Denis Furtado, conhecido como doutor Bumbum.

Cinco dias depois a vítima foi a modelo Mayara Silva dos Santos, de 24 anos. A polícia ainda não identificou a pessoa responsável por esse procedimento. A terceira vítima foi a professora Adriana Ferreira Capitão Pinto, de 41 anos, que morreu na última segunda-feira, 23, exatamente uma semana após fazer um procedimento com a médica Geysa Leal Corrêa em uma clínica de Icaraí, bairro de Niterói (região metropolitana do Rio).

Familiares contaram à polícia que a professora fez uma lipoaspiração no abdome e implantou gordura nos glúteos. Ela se recuperava bem do procedimento até a madrugada da última segunda-feira, quando passou mal na casa onde estava passando férias, na Barra da Tijuca (zona oeste do Rio). A professora é de Paracambi, na Baixada Fluminense, mas estava na Barra da Tijuca durante este mês de julho. Ela chegou a ser socorrida e levada para o Hospital Municipal Lourenço Jorge, também na Barra, onde já chegou morta. Ela era casada e tinha dois filhos.

O caso é investigado pela 77ª DP (Icaraí), responsável pela área onde fica a clínica onde foi realizado o procedimento estético.

Segundo o advogado Lymark Kamaroff, que representa a médica Geysa, a morte da paciente não tem ligação com o procedimento estético. “Ela sofreu uma tromboembolia, reação que é prevista na literatura médica, pode acometer qualquer paciente e não decorre de erro médico. Foi uma fatalidade”, afirmou.

Modelo. A investigação sobre o caso da modelo Mayara Silva dos Santos foi transferido da 16ª DP (Barra da Tijuca) para a 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes), onde ela teria sido submetida ao procedimento estético que pode ter provocado sua morte. A polícia ainda não sabe quem realizou a intervenção. Uma suspeita é a aposentada Tânia Cristina de Lima, que admitiu à polícia ter encontrado Mayara no dia em que ela morreu. Segundo Tânia, no entanto, a modelo apenas comprou produtos de beleza oferecidos pela aposentada.

Mercado virtual da beleza tem anúncios e sorteios
No mercado virtual da beleza, anúncios de perfis com milhares de seguidores prometem bumbum, rostos e seios perfeitos. As estratégias vão de promoções a sorteios e há até “mutirões” para fazer os procedimentos estéticos. Os grupos também servem de arenas de batalha: de um lado, médicos, a maioria não especialistas, e de outro as chamadas “bombadeiras”, sem diploma na área.

O preenchimento do bumbum, técnica aplicada por Furtado em Lílian, é o carro-chefe de quem faz a bioplastia. E o polimetilmetacrilato (PMMA) é a substância mais anunciada nas redes sociais, embora não seja recomendada por entidades médicas.

Fonte: Estadão

 

 


25 / 07 / 2018 - as 11:25

Um suspeito de integrar o Novo Cangaço, organização criminosa especializada em assalto a bancos, foi preso em Campo Maior, a 86 km de Teresina. Francisco Edivan Lopes Cavalcante, que apresentou uma CNH com nome falso, foi preso em cumprimento a um mandado judicial da Paraíba por roubo a instituição financeira. A Polícia Civil acredita que ele estaria no Piauí, possivelmente, fazendo levantamento para mais uma ação criminosa. 

"A equipe de investigação da 5ª Delegacia Regional de Polícia Civil vinha fazendo levantamento há cerca de um mês. Temos feito um trabalho preventivo para evitar que bandidos pratiquem ações criminosas. Ele havia alugado uma casa no centro da cidade e possivelmente estaria fazendo levantamento para mais um assalto a banco", explica o delegado Andrei Alvarenga. 

O suspeito, que apresentou uma CNH no nome de Eder Oliveira, já foi encaminhado ao sistema prisional e deve ser recambiado para a Paraíba. 


fonte:cidadeverde.com 

 

 


16 / 07 / 2018 - as 09:57

A Catedral de Nossa Senhora das Dores, localizada na Praça Saraiva, no Centro de Teresina, foi alvo de vandalismo na madrugada deste domingo (15). Bandidos invadiram a igreja por um vitral, quebraram imagens e levaram ventiladores.  A missa das 7h30 foi transferida para a capela do Colégio Diocesano.

O padre Tony Btista,  vigário geral da Arquidiocese de Teresina, lamenta o crime e conta que esta é a terceira vez que a catedral é alvo de vandalismo. 

"Tinha muito sangue lá dentro. Eles entraram pelo vitral e acabaram se cortando. Pra descer, eles tiveram que se apoiar e acabaram quebrando várias imagens. Foi um ato de vandalismo como está acontecendo em todo o Brasil. Não levaram nada de valor material porque não havia nada para ser levado", disse o padre. 

Um vídeo gravado por uma das voluntárias da catedral, que preferiu não ser identificada, mostra como ficou a capela do Santíssimo. O caso será investigado pelo 1º Distrito Policial. 

"Ficou tudo revirado. Eles quebraram as imagens de São João Paulo II e uma de São Vicente, quebraram o cofre, sujaram toalhas de sangue", disse a voluntária.

De acordo com a Arquidiocese de Teresina, a missa das 18h acontecerá normalmente. 

Fonte: cidadeverde.com

 


16 / 07 / 2018 - as 09:53

Um policial do Grupo de Repressão ao Crime Organizado reconheceu “passeando tranquilamente com a família em um shopping” de Teresina um dos maiores assaltantes de instituições financeiras no Piauí, informou o coordenador do Greco, o delegado Willame Costa.  

Foragido do sistema prisional do Piauí, Maranhão. Mato Grosso e Mato Grosso do Sul, Márcio Alencar Dutra, de 31 anos, foi preso em flagrante ontem (14).

“Um policial estava aproveitando o final de semana quando o avistou passeando normalmente com a esposa e o filho no shopping. Ele pediu reforço de outros policiais e do delegado Gustavo. Ele é suspeito de participar de vários roubos em diversos estados”, disse o coordenador.

O delegado ressaltou que Márcio Alencar estava com uma carteira de identidade falsa. 

No Piauí, Márcio é suspeito de participar do roubo a banco na cidade de Amarante.  Na ação ele usou uma farda da Policia Civil do Maranhão. O alvo da quadrilha foi o Banco do Brasil do município em junho de 2016. Ele portava um fuzil 556. Ele mais cinco homens participaram do crime. 

Mário também é conhecido como “Márcio Capote”. Ele já chegou a ser preso em Goiás em setembro de 2016, também com uma identidade falsa. 

Fonte:cidadeverde.co

 


16 / 07 / 2018 - as 09:52

O ex-secretário de Segurança Pública e deputado federal, Fábio Abreu, afirmou nesta segunda-feira (16) em entrevista que a "vaidade e ego" sempre atrapalhou a integração das policiais. Fábio Abreu garantiu que o  Sistema Único de Segurança Pública (Susp) vai criar um banco único e quebrar as arestas entre as instituições no país. 

"A troca de informações sempre foi um empecilho devido a vaidade e ego. Tenho informação que fica na ilha Polícia Federal, a informação de inteligência que fica na ilha Polícia Civil e tinha informação que fica na ilha Polícia Militar. Nenhuma se comunicava. Com o Sistema Único de Segurança Pública (Susp) vai criar um banco único e a partir daí todos vão compartilhar as informações", disse Fábio Abreu.   

O governo federal informou que vai revogar Medida Provisória que direciona parte da arrecadação das loterias federais ao Fundo Nacional de Segurança Pública (FNSP) e editar uma nova. Fábio Abreu disse que os deputados ainda não foram informados pelo governo de onde serão tirados os recursos para o fundo. 

"Mas, já asseguraram que não será descontado do esporte e da cultura. O próximo será descontado é que ninguém sabe", ressaltou.

O ex-secretário advertiu que se o fundo for criado e não houver uma integração das policiais haverá o efeito "ilha" que é prejudicial nas investigações.
"Não vai adiantar de nada ter bilhões no fundo (previsão é arrecadar R$ 1 bilhão) se o sistema de informação continuar como uma ilha. 

Fábio Abreu informou que defende que parte do fundo seja direcionada para questão salarial da polícia. "O investimento tem que ser de viaturas e no pessoal que o estado precisa desse apoio". 

Ele disse que o problema da violência é um gargalo no país, mas apontou como problemas falta de recursos, pessoal e infraestrutura. Fábio Abreu apontou como solução imediata a compra de folga dos policiais para aumentar o efetivo nas ruas.

O ex-secretário lembrou que a operação Call Center é um exemplo de que o trabalho integrado dar bons resultados no combate aos grupos criminosos. 

Fonte: cidadeverde.com

 


11 / 07 / 2018 - as 08:08

Um adolescente de 15 anos, identificado como João Lucas, morreu eletrocutado ao ligar o carregador do celular na tomada, na tarde dessa terça-feira (10), no bairro Dirceu Arcoverde, na Zona Sudeste de Teresina.

O adolescente foi levado para o hospital, mas não resistiu e morreu. Ele era estudante da Fundação Bradesco e a instituição informou que irá prestar apoio à família. O garoto cursava o 1º ano do ensino médio.

O corpo foi levado para o Instituto de Medicina Legal (IML) e o velório acontece no bairro Tancredo Neves, Zona Sudeste.

fonte: G1PI

 

 



PUBLICIDADE