16 / 08 / 2019 - as 09:33

O Prefeito de Jatobá do Piauí, Zé Carlos Bandeira, concedeu entrevista no Jornal Regional 1ª edição dessa sexta-feira (16), para falar sobre quatro obras paradas no município. Dois colégios de tempo integral, um Ginásio Poliesportivo e uma Unidade Básica de Saúde, respectivamente mencionadas em matéria veiculada pelo Portal Fato, nesta quinta-feira (15).
 
A respeito de quando  e quais obras poderão  ser retomadas pela prefeitura, Zé Carlos disse que de imediato, será realizada com recursos próprios do município, a obra da UBS da localidade Tamarindo e também o Ginásio da localidade Santa Alice. "Já as duas escolas, as obras serão retomadas assim que for resolvida a questão junto ao Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE)", disse.
 
O ex-prefeito Dalberto Rocha também participou e disse está disponível para dá sua contribuição para resolver o assunto.
 
 
@redaçãoportalfato
Fellipe Portela

16 / 08 / 2019 - as 08:25

A Polícia Civil do Estado do Piauí, por intermédio da Delegacia de Polícia Interestadual (POLINTER), cumpriu na manhã dessa quinta-feira (15), mandado de prisão, busca e apreensão  em apartamento, no bairro Horto, na zona Leste de Teresina. Foi preso Italo Santos Lima, ele é investigado por apropriação indébita e venda de veículos de locadoras em Teresina e no Litoral do Piauí.

Durante a busca e apreensão foram encontrados mais de 40(quarenta) chips para celular, além de droga para consumo pessoal, notebook, um RG possivelmente falso. Foi presos em flagrante no mesmo endereço,  João Pedro da Mata Guimarães, por uso de documento falso, RG, e posse de droga para consumo.

Fonte:Asscom

 


15 / 08 / 2019 - as 13:10

Prefeito Zé Carlos Bandeira / ex-Prefeito Dalberto Rocha 

O município de Jatobá do Piauí, se tornou um canteiro de obras milionárias e inacabadas. De acordo com denúncia feita pelo suplente de vereador Anderson Carvalho, as obras de duas escolas modelo de tempo integral, de um ginásio poliesportivo e uma Unidade Básica de Saúde, estão paradas há pelo menos três anos.

Só as duas escolas somam um valor de 2.042.000 (dois milhões, quarenta e dois mil) reais, outros 500 mil da UBS e mais 509 mil do ginásio poliesportivo.

Juntas, as quatro obras somam um valor total de mais de 3 Milhões de reais. Uma das escolas começou a ser construída na localidade Abilheirinhas, a outra escola e a UBS, na localidade Tamarindo, já o ginásio da escola Oscar Gil Castelo Branco, fica na comunidade Santa Alice.

 As obras que são de grande importância para o município de Jatobá, nas áreas da saúde e educação, começaram a ser realizadas ainda na gestão do ex-prefeito Dalberto Rocha, mas não foram concluídas e continuam paralisadas na gestão do atual Prefeito Zé Carlos Bandeira.

Anderson Carvalho, suplente de Vereador

Unidade de Saúde, localidade Tamarindo, valor da obra: R$ 500 mil

 

Colégio, da localidade Tamarindo, valor da obra: R$ 1.021.000

Colégio da localidade Abilheirinhas, valor da obra: R$ 1.021.000

Ginásio Poliesportivo localidade Santa Alice, valor da obra: R$ 509 mil

O OUTRO LADO

O que falou o ex-Prefeito Dalberto Rocha:

Sobre a UBS, Dalberto disse que o contrato com a empresa foi rescindido, porque à mesma abandonou a obra e que caberia ao atual prefeito realizar uma nova licitação, para dá continuidade a construção, já que segundo ele, ainda existem 50 mil para o término da obra.

Em relação ao ginásio poliesportivo, Dalberto disse que foi realizado 40% da obra. ‘’Na minha gestão foi feito 40%, o recurso que foi utilizado foi entorno de 25%, o resto está para ser recebido’’, declarou Dalberto Rocha.

A respeito do colégio da Abilherinha, o ex-prefeito disse que foi feito 40% da obra, já o colégio da localidade Tamarindo, foram realizados 20% e que ainda existem recursos de ambas.

 O que falou o Prefeito Zé Carlos Bandeira:

Em sua defesa, o atual Prefeito disse que quando assumiu a prefeitura, as obras já estavam em processo de construção e que o dinheiro destinado para realizar os serviços não foi aplicado, na gestão do ex-prefeito Dalberto. ‘’Para continuar as obras seria preciso realizar novas medições para que o dinheiro fosse liberado, não tenho responsabilidade sobre o dinheiro que foi pego e não foi aplicado’’, declarou Zé Carlos.  

@redaçãoportalfato

Fellipe Portela 

 

 

 


15 / 08 / 2019 - as 08:31

O plenário da Câmara de Campo Maior aprovou por unanimidade, em sessão plenária dessa terça-feira (13/08), o projeto de lei Nº 09/2019, que dispõe sobre a criação de um vale de transporte estudantil para os universitários que residem e que são domiciliados no município de Campo Maior.  Poderão receber o benefício àqueles que atendam a dois requisitos: O estudante deve possuir renda familiar de até um salário mínimo e meio e estar devidamente matriculado em faculdade ou universidade reconhecida pelo Ministério da Educação.

A lei tem como objetivo regulamentar o artigo 155 da Lei Orgânica Municipal, que diz: “O Município assegurará transporte gratuito aos estudantes universitários e secundaristas e pessoas reconhecidamente pobres no seu deslocamento à Teresina”. Assim, fica o município obrigado a promover esse transporte gratuito para que estes estudantes possam se dirigir até a capital, onde a sua instituição de ensino está localizada. O Poder Público deverá criar condições para que os acadêmicos possam realizar cadastros a fim de garantir a gratuidade das passagens.

Segundo o autor do projeto de lei, o vereador Daniel Soares, a lei orgânica municipal atualmente só comtempla os estudantes que se deslocam para Teresina, mas que ele já está estudando maneiras desse direito ser ampliado para os que estudam em Piripiri: “Fico feliz que tenhamos contado com a ajuda de todos os vereadores na aprovação desse projeto. É importante dizer que, apesar da lei orgânica assegurar que são comtemplados os universitários que estudam em Teresina, já estamos estudando uma maneira para que o estudante que se desloca para Piripiri também possa receber esse direito”, disse.

“Com essa ajuda de custo a gente valoriza ainda mais quem busca um futuro melhor, e eu tenho certeza que a Câmara de Campo Maior está contribuindo bastante com os nossos estudantes, principalmente os mais carentes”, finalizou.

Está previsto que a fonte de recursos para custeio das passagens será a arrecadação oriunda dos tributos municipais. Agora a lei segue para sanção do Poder Executivo Municipal.

Fonte: Ascom da Câmara Municipal


15 / 08 / 2019 - as 08:11

A Prefeitura Municipal de Cocal de Telha, através das secretarias de Assistência Social e Agricultura realizou nessa quarta-feira (14), a entrega de aproximadamente meia tonelada de peixes, através do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), os cadastrados em programas sociais do município, tiveram prioridade na distribuição.

“Parabéns à prefeita Ana Célia, aos Secretários Rodrigão e Viviane e também as  equipes da SEMAS e Agricultura”, disse a vereadora Karyne em sua página do facebook.

 

Fonte: Reprodução/facebook

 


15 / 08 / 2019 - as 07:32

Profissionais da Atenção Básica do município de Campo Maior se reuniram nesta quarta-feira (14), no auditório da Câmara Municipal para fazer um monitoramento e avaliação das atividades do primeiro semestre de 2019 no atendimento as pessoas. O encontro foi aberto pelo secretário municipal de Saúde, Marcelo Miranda e a gerente da Atenção Básica, enfermeira Lúcia Leonara. O secretário Marcelo Miranda avaliou como positiva as avaliações pela interação das equipes e destacou os avanços na saúde municipal.

 

Fonte: Reprodução/Facebook

 


14 / 08 / 2019 - as 20:37

A Polícia Civil do Piauí, por intermédio da Delegacia de José de Freitas (17º Distrito Policial) e com apoio da Gerência de Polícia Metropolitana, cumpriu na manhã dessa quarta-feira (14),  mandado de prisão temporária contra Raimundo  Alexandre da Silva Neto, Francisco Lucas Chaves Ribeiro, vulgo Lucas Branquinho, e Jefferson dos Santos Luz, vulgo “Jeffinho”.  Ambos são acusados de participação no homicídio de Leonardo Lima Batista, no dia 30 de janeiro de 2019 na cidade de José de Freitas. 
 
Após assassinarem Leonardo com disparos de arma de fogo os acusados atearam fogo em um veículo com o corpo da vítima dentro, no Povoado Riacho do Cipó zona rural do município. 
 
Raimundo Alexandre, foi preso em casa, no Conjunto Boa Esperança, Bairro Suco.  Francisco Lucas Chaves Ribeiro, Vulgo Lucas Branquinho, e Jefferson dos Santos Luz, Vulgo “Jeffinho”, já se encontram presos no sistema prisional estadual em razão da prática de crime de roubo. 
 
O crime teria acontecido, quando Leonardo, foi cobrar uma dívida de Raimundo Alexandre Da Silva Neto, segundo a polícia, (provavelmente relativa à venda de entorpecentes).
 
 
Fonte:Asscom

14 / 08 / 2019 - as 13:32

O Gerente Comercial do Grupo Julião Eletro, Júnior JR, esteve nessa quarta-feira (14), na Rádio Meio Norte de Campo Maior, para divulgar uma super novidade das lojas Julião Eletro.   

Todo mês irá acontecer a ‘’semana maluca’’, uma semana de preços imperdíveis em móveis, eletrodomésticos e vários outros produtos com facilidades que só a Julião faz. ‘’Nós temos que trazer mais facilidades para que as pessoas possam comprar’’, disse JR.  

Confira algumas das ofertas da semana maluca desse mês: TV LG 32 polegadas, a partir de 999,90, Oi tv digital HD, a partir de 599,00 avista.

@redaçãoportalfato

 



PUBLICIDADE