08 / 11 / 2019 - 10h09
Bazar beneficente do Ceir inicia nesta sexta com grande fila

O bazar solidário do Centro Integrado de Reabilitação (Ceir) em parceria com a Fundação Nossa Senhora da Paz será aberto ao público às 8h e desde cedo, os consumidores foram fila do lado de fora do Centro. Esta é a segunda edição que comercializará mais de 40 mil itens, que foram apreendidos pela Receita Federal do Brasil, e são doados para as duas instituições. 

Brinquedos, materiais escolares, roupas, celulares, perfumes, itens de maquiagem e até drones estão entre os  produtos de marcas famosas, como Chrome Cast, da Google; Play Station, X-Box, perfumes das marcas Ferrari, Dior, dentre outros.

O Ceir vai abrir os portões serão abertos às 8h da sexta-feira (8), do sábado (9), e do domingo (10), e no momento da entrada, o cliente pagará uma taxa de R$ 5,00, que dará direito a uma pulseira de acesso. O visitante terá um tempo máximo de 30 minutos para realizar suas compras.

O Bazar é fruto do Projeto Leão Amigo, exibido pela Associação Reabilitar, entidade social que administra o Ceir, e do Projeto Receita da Paz da Fundação Nossa Senhora da Paz.

No Bazar serão disponibilizados produtos eletrônicos, celulares, brinquedos, materiais esportivos, materiais escolares, produtos de beleza, artigos de vestuário, pesca, decoração, utilidades domésticas, equipamentos de som automotivo, acessórios para motociclista, entre outros.

As regras do Bazar Solidário são: o valor máximo para compra é R$ 1 mil, por pessoa física, sendo obrigatória a apresentação de CPF e documento oficial com foto. As formas de pagamento serão em dinheiro, cartão de débito e cartão de crédito – sendo a parcela mínima de R$ 50, em até 3 vezes, nas bandeiras Visa, Master, Elo, Dinner’s, American, Hipercard e Credishop.

Metade da arrecadação do Bazar será utilizada para melhorar a estrutura da Fundação Nossa Senhora da Paz, e desenvolver projetos da instituição como  Projeto Judô Cidadão; reformar o auditório e espaços de uso coletivo da instituição, como: banheiros, espaço de dança, Projetos Esperança, Envelhecer com Qualidade; aquisição de equipamentos e materiais para os projetos esportivos e sociais: Taekwondo Para Todos, Peteca Inclusiva, Raquete na Mão, Bola na Cesta, Escravos Brancos e Envelhecer com Qualidade; e implantação de sistema de monitoramento, segurança e ponto eletrônico.

Os produtos não podem ser trocados, testados e não têm garantia. A Associação Reabilitar e a Fundação Nossa Senhora da Paz não se responsabilizam pelos produtos vendidos.

Fonte: cidadeverde.com

 



Publicidade